• Bem Estar - Microfisioterapia: descubra os benefícios

Microfisioterapia: descubra os benefícios

A técnica criada na França é uma das variações da Fisioterapia convencional

Foto: Fotolia

Foto: Fotolia

A Microfisioterapia é uma técnica com inúmeros benefícios, desde autoconhecimento até o tratamento definitivo de problemas com causas difíceis de serem detectadas. Você provavelmente já deve ter ouvido falar nesta especialidade da Fisioterapia, criada pelos franceses Patrice Benini e Daniel Grosjean, que investiga e identifica tecidos que perderam sua função e vitalidade normal após eventos agressores ao organismo. E melhor: “avisa” o corpo de que aquele tecido não tem mais função e pode ser eliminado, ou seja, ajuda o próprio corpo a iniciar um processo de cura.

O fisioterapeuta com especialização em Microfisioterapia Setgio Bastos Jr, que aprendeu a técnica na França, com seus criadores, explica como funciona: “na sessão, que é realizada com uma roupa confortável e por um profissional de fisioterapia, ou seja, que tem a informação necessária sobre saúde e sobre nosso organismo, o corpo é manipulado, com movimentos suaves, em lugares pré mapeados e que contém informações como tipo de trauma e em que época ele foi sofrido. É possível detectar inclusive sofrimentos intrauterinos, possibilitando um resgate amplo do bem-estar e da saúde física e emocional”.

Ela segue: “quando encontramos o ‘problema’, pela micropalpação, emitimos, também por meio de toques sutis, comandos que avisam o corpo de que aquelas células, que estão formando aquele tecido atingido pelo trauma, podem ser eliminadas naturalmente, processo que acontece de forma gradual e autônoma, pelo próprio organismo. Por isso, depois da sessão de fisioterapia, dizemos ao paciente para beber bastante água. A água é o solvente universal e limpa eficazmente nosso corpo, e se manter hidratado é o melhor que podemos fazer para auxiliar o processo”.

Normalmente, são necessárias apenas algumas sessões de Microfisioterapiapara sanar o problema e o intervalo entre elas precisa ser mais longo, de 45 a 60 dias. Sergio explica: “Isso acontece porque cada organismo tem seu tempo e a eliminação dos tecidos afetados pode demorar mais para algumas pessoas”. “Porém, é fato: há quem já sinta melhora quase total após a primeira sessão”, ele enfatiza, “já atendemos pacientes que não conseguiam dormir, ou que tinha ansiedade ou enxaqueca em graus altos e que havia tentado outros tratamentos. E que simplesmente não sofreram mais desses problemas depois da primeira sessão do tratamento”.

Sergio lembra que a grande questão é que a causa primordial de muitos dos nossos males cotidianos, de dores crônicas a problemas emocionais ou doenças recorrentes, podem estar nas memórias que ficaram gravadas no corpo, mesmo que na mente elas já tenham sido esquecidas: “por isso dizemos que entender essas causas é também um trabalho de autoconhecimento, de retomar a autonomia sobre as nossas emoções e poder levar uma vida mais plena e saudável. Vivemos em um mundo que revela nossa imagem, mas esconde nossas emoções”. Não é à toa que cresce muito o número de pessoas que procuram pela Microsifioterapia todos os dias.

 

Comentários

Tags:, , ,
Redação Webrun
Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade

NEWSLETTER