• Corrida - Morre Paul Koech, um dos maiores corredores quenianos de todos os tempos

Morre Paul Koech, um dos maiores corredores quenianos de todos os tempos

Foto: IAAF

Foto: IAAF

A IAAF (Associação Internacional de Federações de Atletismo) divulgou hoje uma nota informando a morte do queniano Paul Koech. O atleta ganhou destaque internacional após sagrar-se campeão mundial de Meia Maratona em 1998. O “melhor ano de sua carreira”, quando também conquistou a medalha de prata individual e o ouro da equipe no Campeonato Mundial de Cross Country da IAAF e ouro no extinto Campeonato Mundial de Revezamento de Estrada da IAAF.

Ainda de acordo com a Associação Internacional de Atletismo, a causa da morte foi uma “breve doença”. O corredor de 49 anos teria sido internado com fortes dores de cabeça no Hospital Memorial de Nairobi, no Quênia.

Suas principais marcas são: 12´56″29 nos 5.000m, 26’36″26 nos 10.000 metros – sétima melhor marca de todos os tempos), 1:00:01 na meia maratona e 2:07:07 na Maratona de Chicago em 2003, quando foi o segundo colocado.

Em comunicado, o Atletismo Quênia lamentou a perda e ressaltou o grande atleta de pista, cross country e corridas de estrada que Koech foi, um atleta que sabia ser um membro da equipe de atletismo nacional.

Carreira 

Nascido em 1969 na área de Burnt Forest, na província de Rift Valley, o primeiros passos de Koech no atletismo foram nos sprints durante seu período na escola. Mais tarde, ele passou um tempo na Escola de Treinamento das Forças Armadas, época em que se mostrou promissor como um corredor de longa distância.

O queniano começou a competir internacionalmente em 1995, mas seu grande avanço veio em 1996. Ele terminou em quarto no Campeonato Mundial de Cross Country da IAAF no início daquele ano e terminou em sexto nos 10.000m nos Jogos Olímpicos de Atlanta.

Paul começou 1997 vencendo o disputado Campeonato Queniano de Cross-country – a primeira das três vitórias sucessivas – e acrescentou outro título nacional à sua coleção no final daquele ano, quando conquistou a coroa nacional de 10 mil metros.

Koech chegou a terminar em quarto nos 10.000m no Campeonato Mundial de 1997 em Atenas, onde sua sobrinha, Sally Barsosio, atingiu o ouro no evento feminino.

Além de seus feitos em 1998, ele representou o Quênia no Campeonato Mundial de Cross Country entre 1996 e 2003, terminando entre os seis primeiros individualmente e conquistando uma medalha de ouro em cada ocasião.

 

 

 

 

 

Comentários

Tags:, , ,
Carolina Abrantes
Estudante de jornalismo, já metida a repórter. Encantada pelo mundo dos esportes e pela forma como eles podem mudar a vida das pessoas.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade