• Corridas de Rua - Quenianos registram tempos incríveis em prova de 21k nos Emirados Árabes

Quenianos registram tempos incríveis em prova de 21k nos Emirados Árabes

Campeão no masculino teve uma média de 2min48 por quilômetro

Aconteceu hoje a 12ª edição da Rak Half Marathon, nos Emirados Árabes Unidos, com vitória masculina e feminina de atletas do Quênia, recorde do percurso em ambas categorias e diversos recordes pessoais.

No masculino a lista de estrelas apresentava simplesmente 11 atletas com tempos abaixo de 60 minutos. Bedan Karoki do Quênia, vice-campeão mundial da distância em 2016 (Cardiff) e campeão da prova em 2017, com o tempo de 59min10 era um dos favoritos. Seguido de Jurum Okombo (58min48) também do Quênia.

No feminino a briga ficaria entre as quenianas Joyciline Jepkosgei, recordista mundial da distância com 64min51, Mary Keitany (65min13) se preparando para a Maratona de Londres e Fancy Chemuitai (65min36).

Mulheres

O ritmo no feminino começou com a passagem de cinco quilômetros em 15min15, com pace de (3min03/quilômetro) lideradas por pacemakers do sexo masculino, as três favoritas iam juntas, em ritmo de recorde mundial, acompanhadas também por Caroline Kipkirui do Quênia. Mais cinco quilômetros em 15min19 (3min/ quilômetro) e alcançaram a marca dos dez quilômetros em 30min34, com as quatro atletas juntas.

Inscreva-se para a Ultra Maratona dos Perdidos. Clique aqui!

Com cerca de 13 quilômetros justamente a recordista mundial Joyciline Jepkosgei, que vinha de uma gripe na última semana  começou a perder o contato com as outras três atletas que percorreram os cinco quilômetros dos 10 para os 15, em 15min33 (3min07/quilômetro). Alcançaram os quinze quilômetros em 46min07 e Kipkiriu passou as 10 milhas (16,090 metros) um passo a frente em 49min29, estabelecendo um novo recorde mundial para a distância.

A parcial de cinco quilômetros dos 15 para os 20 foi percorrida em 15min27 (3min06/quilômetro), porém agora apenas Keitany e Chemuitai estavam juntas, além dos pacemakers. No Sprint final Fancy Chemutai levou uma pequena vantagem e venceu a prova com o fantástico tempo de 64min53 (3min04/quilômetro) ficando há apenas dois segundos do recorde mundial, porém estabelecendo um novo recorde pessoal, o recorde do percurso e a 2ª melhor marca de todos os tempos.

Mary Keitany que defenderá seu título e tentará o recorde mundial na Maratona de Londres dia 22/04 chegou logo em seguida com 64min55s, recorde pessoal e 3ª melhor marca de todos os tempos, aos 36 anos. A surpresa Caroline Kipkirui  terminou na 3ª colocação com 65min07, Joan Chelimo na 4ª colocação com 65min37, ambas com recordes pessoais. A favorita Joyciline Jepkosgei fechou o pódio com 66min46.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Com quatro mulheres terminando abaixo de 66 minutos, sete abaixo de 67 minutos e 11 abaixo de 69 minutos, essa foi a meia maratona feminina mais rápida de toda na história.

Homens

No masculino o grupo passou os primeiros cinco quilômetros em 13min57 com ritmo médio de 2min47/quilômetro. Mais cinco quilômetros em 13min54 e alcançaram a marca dos dez quilômetros em 27min48. Até os 13 quilômetros quem ditava o ritmo era Alex Kibet. Atrás dele Bedan Karoki, Edwin Kiptto, Jorum Okombo e o novato na distância Jemal Yimer da Etiópia, vinham juntos.

Do quilômetro 10 para o 15 a parcial deu 13mim56, com Karoki alcançando a marca dos quinze quilômetros em 41min44. Mais cinco quilômetros em 13min57seg, Karoki e Jamel Yimer alcançaram a marca dos vinte quilômetros em 55min55, abrindo um pouco dos demais, porém nos últimos 1.097 metros Karoki acelerou forte e cruzou a linha de chega com o tempo de 58min42, recorde pessoal, do percurso e 5ª melhor marca de todos os tempos.

A 2ª colocação ficou com o etíope Jemal Yimer, com exatos 59 minutos, melhor debute na meia maratona de todos os tempos.  Alex Kibet do Quênia em seguida com 59min06, também recorde pessoal, JorumLumbasi chegou na 4ª colocação com 59min35 e Morris Gachaga, também o Quênia, chegou na 5ª colocação, com 59min36.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Bedan Karoki é agora favorito ao título no Campeonato Mundial de Meia Maratona IAAF/Trinidad Alfonso Valencia 2018 que acontecerá no próximo mês e embola a lista de apostas da Maratona de Londres, dia 22 de abril.

Resultados
Homens
1.  Bedan Karoki (KEN) – 58min42 – parciais de 5 km = 13min53 +1 3min54 + 13min56 + 13min57
2. Jemal Yimer – (ETH) – 59min
3. Alex Kibet – (KEN) – 59min06
4. Jorum Okombo – (KEN) – 59min36
5. Morris Gachaga – (KEN) – 59min36
6. Wilfred Kimitei – (KEN) – 59min40
7. Edwin Kiptoo – (KEN) – 59min54
8. Benard Kimeli – (KEN) – 1h00min16
9. Vincent Rono – (KEN) – 1h00min24
10. Lelisa Desisa – (ETH) – 1h00min28

Mulheres
1. Fancy Chemutai – (KEN) – 1h04min52 – parciais de 5 km = 15min15 + 15min19 + 15min33 + 15min27
2. Mary Keitany – (KEN) – 1h04min55
3. Caroline Kipkirui – (KEN) – 1h05min07
4. Joan Chelimo Melly – (KEN) – 1h05min37
5. Joyciline Jepkosgei – (KEN) – 1h06min46
6. Degitu Azimeraw Asires – (ETH) – 1h06min47
7. Brigid Kosgei – (KEN) – 1h06min49
8. Gladys Cherono – (KEN) – 1h07min13
9. Helen Tola Bekele – (ETH) – 1h07min47
10. Naom Jebet – (KEN) – 1h08min22

Comentários

Tags:, , , ,
Nelson Evêncio
Graduado em Educação Física. Pós Graduado em Treinamento Desportivo, Administração e Marketing Esportivo. Treinador Nível II pela IAAF. Presidente a ATC- Associação dos Treinadores de Corrida de 2009 a 2017.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade