• Atletismo - Robson Caetano tem recorde há 17 anos

Robson Caetano tem recorde há 17 anos

Robson Caetano é um dos heróis do atletismo nacional (foto: Arquivo CBAt)
Robson Caetano é um dos heróis do atletismo nacional (foto: Arquivo CBAt)

24 de fevereiro de 1989, Alemanha Ocidental: Um ano que ficou na memória de Robson Caetano da Silva.

O brasileiro disputou os 300 metros no Meeting Indoor, de Karlsruhe e estabeleceu o recorde mundial, que até hoje não foi superado por ninguém.

Fevereiro de 2006, Universidade de Arkansas, Estados Unidos: Os organizadores do Meeting de Fayetteville oferecem 25 mil dólares para quem superar o tempo de Robson. Wallace Spearmon, atleta dos Estados Unidos dono da melhor marca dos 200 metros em 2005 e Kerron Clement, também dos Estados Unidos e recordista mundial indoor dos 400 metros já responderam ao desafio.

Mas o que importa é a marca histórica deixada pelo atleta, que também conquistou no mesmo ano os 200 metros na Copa do Mundo de Barcelona, além do recorde mundial de 19,7 segundos, na Copa América da Colômbia. Na ocasião o equipamento eletrônico falhou. O atleta dos Estados Unidos, James Sanford divide a marca com o brasileiro.

Carlos Cavalheiro, treinador de Robson durante quase toda a carreira do atleta e atual diretor de seleções da CBAt fala sobre seu ex-pupilo:

“Ele fez muito em 1989. Talvez tivesse feito mais, ainda, se o equipamento eletrônico não falhasse na Copa América. Mesmo assim, os 19.7 nos 200 m (embora sem a mesma importância do tempo eletrônico) e os 32.19 nos 300 m indoor (prova que não consta do Mundial Indoor) comprovam a exuberância de sua forma naquele ano”.

Este texto foi escrito por: Webrun

Comentários

Tags:
Redação Webrun
Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade