10 dicas para você se tornar um corredor da manhã

Começar o dia correndo pela manhã é o sonho de muitos. Disposição, energia, temperatura amena, menos poluição e disciplina são alguns dos benefícios que os corredores matutinos têm. Todavia, pode ser difícil a tarefa de incluir este hábito na rotina. Por inúmeros motivos você pode sentir que seu corpo não está preparado para correr em um horário muito cedo. Mas, com algumas atitudes, você também pode se tornar um herói das manhãs.

Separamos algumas dicas essenciais para você que está com dificuldades deixar de vez os hábitos sabotadores para trás.

+ Siga o Webrun no Instagram!

10 dicas para você se tornar um corredor da manhã
Foto: Fotolia

1. Durma Cedo

Pode parecer óbvio, mas para acordar cedo é preciso dormir cedo. Respeite o tempo mínimo de sono que varia entre 7h e 8h. Se você for levantar às 5h, o horário ideal para dormir é até às 22h.

Lembre-se: você irá começar o dia gastando muita energia. É importante que seu sono seja suficiente para aguentar os compromissos do dia todo.

2. Simplesmente vá!
Talvez a dica mais importante de todas. É como arrancar um curativo ou pular de paraquedas. Se você pensar muito não faz! Tem que ser de uma vez, de supetão.

Não deixe para amanhã ou para 2031. É agora.

3. Adapte toda sua rotina

Correr pela manhã é um hábito. E, como qualquer hábito, leva algumas semanas para tornar-se um. Não adianta acordar cedo apenas nos dias em que vai correr, ou dormir cedo apenas nos dias anteriores. É o trato diário que fará a diferença.

4. Diminua o tempo dos preparativos

Faça a conferência e separação do seu kit-corredor na noite anterior à corrida. Já deixe também pronta sua alimentação. Cuidado com as armadilhas pré-treino. Seu primeiro sprint do dia é entre a cama e a porta de saída da sua casa.

Ajudamos você com o check-list básico: tênis, meias, shorts, camiseta, monitor cardíaco, boné e protetor solar.

5. Não use o modo soneca

Este é o grande inimigo do seu hábito e mais ainda da qualidade do seu sono. Se decidir dormir, elimine o soneca. O alarme toca apenas uma vez! Pule da cama nessa hora. Não deixe que a soneca estragar seu planejamento do dia.

6. Encontre com algum amigo ou treinador

O compromisso ganha bastante força se alguém estiver esperando por você. E mais: a corrida será proveitosa e leve com alguma companhia bacana.

7. Conte com sua família

Se todo mundo na casa estiver empenhado em te ajudar, fica mais fácil. Afinal, ter alguém para contar no turbulento período da manhã é essencial para correr mais tranquilo.

É importante compartilhar seus planos com os familiares e pedir algumas adaptações na rotina de todos como dormir mais cedo, por exemplo.

8. Otimize seu tempo já sabendo o percurso

A manhã não permite tantos imprevistos, afinal, o tempo é contado. Faça um percurso seguro e pré-determinado, com tempo suficiente de voltar para casa sem estragar o restante do dia. Evite o improviso.

+ Faça sua inscrição para sua próxima corrida aqui!
+ Participe de um desafio virtual.

9. Crie uma frase-chave para acordar

Tenha um mantra, uma frase, uma palavra que seja o gatilho para você acordar. Algo que te motive e que te lembre dos resultados que você vai conseguir com aquele hábito. Alguns exemplos como “Eu sou forte” ou “Isso vai me deixar muito feliz” podem funcionar. Tem que ser algo que mexa com você!

10. Comer é importante

Mesmo sem o hábito da refeição pela manhã, comer antes do treino vai melhorar sua performance. Após um grande período sem alimento, o corpo necessita de reposição para continuar funcionando direito.

Aposte em pães, frutas e sucos para começar o dia. Tudo em menores quantidades para evitar o estômago pesado durante o exercício.

(…) O ganho mais surpreendente, porém, veio do lado psicológico. A sensação de paz que se instalava no fim das corridas deixava rastros pelo resto do dia. Já no banho da manhã, quando eu pensava nos compromissos que me aguardavam, tinha certeza de que seria capaz de cumpri-los. Consegui controlar melhor a ansiedade e a agitação da vida atribulada que sempre levei, tornei-me mais confiante e disciplinado. Ganhei serenidade.

Por outro lado, senti na carne o tormento que é levantar da cama de madrugada para correr. Passados mais de vinte anos, meu primeiro quilômetro ainda é dominado por um único pensamento: não há o que justifique um homem passar pelo que estou passando. Existe sofrimento mais atroz do que deixar a cama quente, no horário em que o sono é mais arrebatador, vestir o calção, a camiseta e calçar o tênis para sair correndo? (…), trecho do livro Correr, de Drauzio Varella.

Leia também:

– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?

– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis 
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

 

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts