• Outros - 5 exercícios Mahamudra para corredores melhorarem a performance

5 exercícios Mahamudra para corredores melhorarem a performance

O treino Mahamudra faz parte de uma filosofia de vida que leva o mesmo nome, seu principal objetivo é o desenvolvimento focado na evolução constante do ser humano. O termo quer dizer grande gesto em sânscrito e a expressão também é usada para se referir ao autoconhecimento, no budismo tibetano. Os adeptos do movimento, acreditam que é importante manter a saúde do corpo, mente e espírito de maneira proporcional e integrada, lembrando que nenhuma das áreas é mais importante do que a outra.

Para evoluir a saúde corporal, o treino prega que o bem estar começa pela respiração. Por isso, uma das partes do programa inclui técnicas respiratórias, que têm como objetivo aumentar a consciência corporal, fornecendo assim maior energia, vitalidade e concentração. Após os exercícios de respiração, o treino traz séries de atividades físicas que tem a intenção de tirar o aluno da zona de conforto, com exercícios pesados.

Foto: Reprodução/Instagram Foto: Reprodução/Instagram

 

+ Participe do Circuito Urban Night Run

A perda de peso com os treinos Mahamuda é certeira, mas somente aliada a uma alimentação saudável e equilibrava, obviamente, porque cada sessão queima de 700 a 2 mil calorias. Além disso, entre os exercícios feitos durante o treino, muitos deles podem ajudar a melhorar sua performance. Felipe Kutianski, preparador físico da Ziva Brasil e instrutor da Mahamudra ensinou cinco exercícios que vão melhorar sua prática de corrida, veja abaixo:

1. Afundo alternado

Com os joelhos flexionados, com uma perna à frente da outra, faça a troca de posição das pernas por 30 segundos. Procure alinhar expiração com a troca. O movimento dos braços é contrário ao das pernas.

2. Pistol adaptado

É parecido com o agachamento unilateral, no tradicional, você mantem uma perna suspensa a frente e agacha até o quadril passar da linha do joelho. No adaptado, você só precisa tirar uma das pernas do chão e colocar atrás do calcanhar, depois, jogue seu quadril para trás, coloque o tronco para frente e abra os braços para ter equilíbrio. Aí você agacha, levanta e troca de perna.

3. Agachamento com salto e joelho ao peito

É muito bom para trabalhar com explosão muscular. Faça um agachamento livre, ao retornar, faça força de extensão rápida e salte. Ao tirar o pé de contato do solo, leve o joelho o mais próximo possível do peitoral e depois retorne o pé ao solo. Ao tocar no solo, desça com o quadril para a posição do agachamento.

4. Swing Kettlebell

Bom para trabalhar o core, que ajuda muito na corrida. Em pé, abra as pernas com o kettlebell embaixo, faça um agachamento sumô para pegá-lo e levante. Empurre o kettlebell com o quadril e volte, a partir daí deixe a gravidade fazer a força impulsionando ele para frente e para trás. Repita o movimento com o quadril quando o kettlebell estiver parando. Para terminar o movimento, deixe o movimento parar naturalmente, agache novamente e solte o kettlebell.

5. Abdominal rolo

Outro movimento que trabalha o core. De joelhos em uma superfície confortável, segure o rolo e estenda de uma maneira em que seu corpo fique paralelo ao solo. Atenção: cuidado para não relaxar o corpo antes de retornar e terminar o movimento, isso pode te causar problemas lombares. O importante é sempre ter controlo sobre o movimento.

Este texto foi escrito por: Gabriel Gameiro

Comentários

Redação Webrun
Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!
Publicidade
Publicidade