Água aromatizada naturalmente é alternativa para hidratação

Aromatizar a água é tornar um líquido inodoro, incolor e insípido em uma bebida saborosa e cheia de benefícios para o organismo. Ela pode ser servida em eventos, ou colocada em uma garrafinha para tomar durante o dia, ou enquanto pratica exercícios. “Além de refrescar, a água aromatizada hidrata e pode ser tomada durante a atividade física. Se a fruta tiver mais carboidrato, como morango ou manga, pode até ajudar na recuperação do organismo”, afirma Betina Baletta, nutricionista e consultora do Webrun.

Além de refrescar, a água aromatizada hidrata e pode ser tomada durante a atividade física Foto: Sarsmis/Fotolia Além de refrescar, a água aromatizada hidrata e pode ser tomada durante a atividade física Foto: Sarsmis/Fotolia

Os ativos que a fruta, especiarias e ervas contêm são repassados para a água. “O gengibre contém o ativo gengirol que é antisséptico, anti-inflamatório, bom para curar o enjoo. A laranja tem o flavonoide hesperidina e o limão, limoneno, ativos que impedem o crescimento de tumores, melhoram a circulação”, explica a também nutricionista Roseli Rossi.

Os benefícios da água aromatizada se assemelham ao chá, com a diferença de que a bebida quente pode ter maior quantidade de ativos por conta da infusão. A vantagem da água gelada é que garante melhor absorção dos nutrientes no organismo pós exercício, por causa da vasoconstrição. Para Betina é preciso tomar cuidado com a água muito gelada, ela pode causar um choque térmico no organismo se a pessoa não tiver acostumada.

É importante acrescentar as cascas das frutas na composição uma excelente maneira de reaproveitar os ingredientes. Se puder, compre frutas orgânicas, que não têm agrotóxico. Se não, esfregue com algumas gotas de desinfetante embaixo d’água para retirar as impurezas.

Exagerar na água aromatizada, porém, pode não ser bom para o organismo. “Por mais que a bebida hidrate, não é possível substituí-la por água natural. Você pode trocar o suco, ou outras bebidas pela água aromatizada”, explica Roseli. Mas a quantidade máxima varia de pessoa para pessoa. Quem tem hipoglicemia, por exemplo, não deve tomar muita água com canela ou gengibre, essas especiarias aceleram a circulação sanguínea.

Receita

Ingredientes
1 ramo de hortelã (apenas folhas, sem o talo)
1 fatia de limão com casca
1 cravo
4 pedras de gelo
Proporção para um copo (200 ml)

Preparo

Misture os ingredientes na água natural e espere no mínimo uma hora para beber.

Benefícios

A hortelã é ótima para colaborar na digestão, assim como o limão que alcaliniza quando chega ao estômago. O cravo contém o ativo chamado eugenol que diminui gases.

Cuidados com a água aromatizada

Monte a receita com bastante gelo e em uma garrafa sem interferência de luz para manter a vitamina C por mais tempo, já que ela oxida em contato com a luz e o calor.

Deixe a água aromatizada descansar por pelo menos duas horas antes de tomar. Quanto mais tempo os ingredientes ficarem na água, mais saborosa ficará. Se a bebida estiver em um ambiente adequado, pode ficar de oito a 12 horas no recipiente. Depois disso, tem que jogar fora porque as frutas começam a estragar.

Para cada copo d’água de 200 ml, uma rodela de fruta ou uma pitada da erva. Mas você tem que “sentir” esta proporção: a carambola, por exemplo, que não é tão cítrica e não tem sabor tão acentuado como o limão, precisa de mais fatias para cada porção.

Este texto foi escrito por: Sofia Mikrute

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts