Alongue sua saúde

Todo técnico e todo educador físico reconhece a importância do alongamento antes e depois do exercício. Por outro lado muitos atletas não suportam ficar parados numa mesma posição com o desejo de praticarem sua modalidade preferida apertando.

Por que não aproveitar o necessário – momento do alongamento para conhecer seu corpo e evitar lesões? O alongamento pode ser associado a um trabalho psicológico, o que pode tornar esse momento muito mais prazeroso.

Enquanto estiver alongando aproveite para concentrar-se. A concentração é de fundamental importância para o sucesso de uma prova ou para realizar um bom treino. Pode proporcionar maior precisão de movimentos e melhora de desempenho

Uma boa concentração pode permitir ao atleta que não ultrapasse demais os limites do seu corpo e assim evite lesões que o deixaria fora dos treinos por um bom tempo- o que seria desastroso. Se o atleta aprende a ouvir seu corpo, pode optar por interromper um treino ou diminuir a sua intensidade, o que permitiria que ele continue treinando no dia seguinte.

O alongamento é o momento perfeito para o atleta começar a desligar-se dos estimules externos e atentar para a tarefa que realizará. Enquanto estiver alongando sinta o músculo que está trabalhando, imagine o seu músculo sendo esticado, pense na atividade que ele realizará com o seu esporte, imagine-se já na atividade e visualize o esforço que o músculo exercerá.

Durante o alongamento respire profunda e pausadamente e calcule o tempo do alongamento pelo número de ciclos respiratórios. Assim você estará internalizando o tempo de sua respiração, que é um tempo do seu corpo, que pode ser muito útil numa prova e num treino.

Sinta o ar entrando e saindo e, enquanto alonga, visualize os músculos que serão mais exigidos enchendo-se de sangue e que isso vai aliviando sua dor. Nas expirações imagine mais sangue no músculo e force um pouquinho mais, percebendo e sem ultrapassar demais o seu limite. Esse é um bom momento para perceber o seu limite e entender que ultrapassá-lo deve ser uma conquista e não uma imposição – isso fica claro no alongamento e é uma lição para a vida.

Após o treino use o alongamento para fazer um inventario de como está seu corpo e para sentir o prazer que o final da prática te traz. Ao alongar-se após o treino verifique como estão os músculos, se há dor, como é essa dor, tente descrevê-la para si, dar um nome. Respire e descanse. Solte o ar e junto com o alongamento solte o corpo. Sinta cada parte do seu corpo e onde elas estão articuladas.

Esse é o um bom momento para rever seu treino ou prova, verificando o que você fez, como você exigiu dos músculos e em que trechos do treino ou da prova você exigiu mais. O alongamento é um bom momento para você concentrar-se no seu corpo apoderando se dele, criando uma harmonia entre o que você quer realizar e o que seu corpo pode realizar, otimizando o seu treino. Por isso repito: use o momento do alongamento para se concentrar no seu corpo e na sua prática e alongue cada vez mais a saúde do seu corpo.

Conhecer os limites do seu corpo é o primeiro passo para ultrapassá-los, e isso deve ser feito com respeito, por isso é importante conhecer até onde o seu corpo te permite ultrapassá-lo, pois se você negligenciá-lo certamente ele te responderá com uma lesão, que pode te tirar por muitos meses dos treinos e competições.

Começar a perceber até onde você pode alongar, e ir vendo que com o alongamento constante você aumentou a sua amplitude é um bom começo para você começar a planejar melhor seu treino e vencer suas barreiras.

Este texto foi escrito por: Marcus Teshainer

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts