Alterado processo seletivo para o Brasileiro

Em reunião realizada sábado (29) Julio Alfaya e Paulo Martins Jr., respectivamente presidentes das federações do Rio e do Espírito Santo, resolveram alterar o formato do processo seletivo regional para participação no Campeonato Brasileiro de Triathlon.

A iniciativa foi decorrente da reivindicação de atletas que consideraram “perigoso” definir o grupo de triatletas cariocas e capixabas com direito à disputa do Brasileiro, em uma única prova seletiva, no caso a prova do próximo dia 7 de julho em Vitória.

Assim, foi decidido que a referida prova capixaba definirá um total de 6 vagas em cada categoria e cada federação terá mais 3 vagas para serem concedidas aos atletas que estiveram liderando os respectivos rankings estaduais.

Desta forma os campeonatos locais saem fortalecidos, assim como a própria seletiva, por tornar-se a única e derradeira chance para quem não se colocou ainda entre os três primeiros de cada faixa.

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts