Aumenta a disputa no Circuito Adidas

Ponteiros na primeira passagem da prova na altura do 4Km (foto: Harry Thomas Jr  Arquivo WebRun)
Ponteiros na primeira passagem da prova na altura do 4Km (foto: Harry Thomas Jr Arquivo WebRun)

Frio, altitude num percurso de trilhas com muitas subidas e descidas e terreno irregular. Essas características exigiram bastante atenção dos atletas para evitar contusões. “Eu corria o tempo todo olhando por onde eu pisava, mesmo assim torci o tornozelo na marca dos 2Km, mas não foi nada grave”, contou Elson Alex Gracioli (Power Bar), ganhador da prova, que completou o percurso com o tempo de 23min14s.

O atleta Lindomar Modesto de Oliveira (Cruzeiro), vencedor das duas primeiras etapas e líder do circuito com 20 pontos, não teve a mesma sorte. “Onde o Emerson (Iser Bem) tirava o pé eu pisava, mas não tive muita sorte. Torci o pé na primeira volta e acabei completando o percurso trotando.”, lamenta.

Esse acidente tornou a disputa ainda mais acirrada. Lindomar precisa de um terceiro lugar e chegar na frente do atleta Elson, que está na segunda colocação no geral com 16 pontos, para ser o campeão do circuito.

A prova do Rio de Janeiro acontece em 15 de setembro.

Veja como é a pontuação no Circuito Adidas:
1º lugar: 10 pontos
2º lugar: 6 pontos
3º lugar: 4 pontos
4º lugar: 3 pontos
5º lugar: 2 pontos
6º lugar: 1 ponto

Este texto foi escrito por: Antonio Singh

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts