Está com sua avaliação em dia? Tire todas as dúvidas sobre o teste ergométrico

Preguiça e sedentarismo formam uma arriscada dupla e podem se tornar realidade em diversas situações. Mas, qual o primeiro passo para incorporar a prática de exercícios à rotina sem riscos à saúde e abandonar o sedentarismo? Um exame essencial é o teste ergométrico. O “exame médico que tem como objetivo avaliar as respostas clínicas e cardiovasculares ao exercício físico”, explica a cardiologista especializada em medicina esportiva, dra. Renata Castro.

Um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgado em 2018 na revista científica Lancet revela que, na América Latina, o Brasil é o país com o maior índice de sedentarismo – 47% da população não praticam atividade física suficiente para se manter saudável. A OMS recomenda, pelo menos, 150 minutos em grau moderado a intenso ou 75 minutos semanais de esforço físico forte.

“O estudo é o primeiro que oferece estimativas sobre a insuficiência de atividade física – considerada um dos principais fatores das doenças não transmissíveis – em um período de 16 anos, de 2001 a 2016, e mostra ainda que a América Latina é a região do mundo com o maior índice de pessoas que não praticam atividade física suficiente para se manter saudável, atingindo 39% do total. A região supera o conjunto de países ocidentais de receitas altas, onde em geral se faz menos atividade física que nos de rendas baixas, com 37% e 16% de suas populações, respectivamente, nessa situação”, diz reportagem da Agência Brasil.

Tire suas dúvidas sobre o teste ergométrico

Está com sua avaliação em dia? Tire todas as dúvidas sobre o teste ergométrico
Foto: Adobe Stock
1. O que é o teste ergométrico?

Também chamado teste de esforço, o teste ergométrico é um exame médico que tem como objetivo avaliar as respostas clínicas e cardiovasculares ao exercício físico.

Muitas das doenças cardíacas só se manifestam quando o coração é “desafiado”. Ou seja, em repouso, parece que está tudo bem, mas durante o exercício, o coração é mais exigido, e algumas alterações podem se manifestar.

+ Seu calendário completo de corridas virtuais está aqui!

2. Qual sua função?

Serve para diagnosticar doenças cardiovasculares, sendo a principal delas a doença arterial coronariana (que leva ao infarto agudo do miocárdio). Além disso, permite avaliar a resposta da pressão arterial ao exercício (verificando se ela está bem controlada); a análise da ocorrência de arritmias ao exercício e também a quantificação da tolerância ao exercício. É um exame bastante utilizado para avaliar a segurança da liberação de pacientes para a prática de exercícios físicos também.

3. Em que consiste e como é feito o teste ergométrico?

É um exame médico que pode ser realizado na esteira ergométrica ou na bicicleta ergométrica. O paciente estará com monitorização do eletrocardiograma e da pressão arterial e realizará um exercício físico que começa com baixa intensidade e vai aumentando progressivamente, até alcançar o esforço máximo. Caso ocorram sintomas, o exame pode ser interrompido antes do esforço máximo.

4. Para quem é indicado?

Principalmente, pessoas com sintomas que acontecem ao exercício (falta de ar, dor no peito, palpitações), pessoas com doenças cardiovasculares e pessoas que estão começando a realizar atividade física.

5. Quais são os resultados possíveis e como interpretá-los?

São diversos resultados e, como todo exame médico, deve ser interpretado pelo médico do paciente. Os principais resultados são relacionados à isquemia miocárdica induzida pelo exercício (falta de oxigenação no coração que costuma estar relacionada à doença coronariana, ou seja, presença de placas ateroscleróticas nas artérias do coração).

6. Quais são os cuidados necessários antes da sua realização?

O paciente deverá se informar sobre a necessidade de suspender medicamentos ou não. Além disso, deve vestir roupas confortáveis, não se exercitar intensamente na véspera do exame e fazer uma refeição leve, no máximo, três horas antes do exame.

7. Onde pode ser realizado?

Hospitais, clínicas e consultórios médicos.

8. Qual a faixa de preço?

Os valores são muito variáveis de acordo com a região do Brasil.

9. Há cobertura dos planos de saúde?

São exames cobertos pelos planos de saúde, sim.

+ Seu próximo desafio na corrida de rua está aqui!

10. Quais são os profissionais que realizam o teste ergométrico?

Apenas médicos estão autorizados a realizar.

*Fonte: Dra. Renata Castro, especialista em medicina esportiva e pós-doutora em cardiologia pela Universidade de Harvard.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts