Câncer ósseo: quais os sinais para procurar um médico?

Câncer ósseo: quais os sinais para procurar um médico?
Foto: Adobe Stock

O câncer ósseo corresponde a cerca de 1% de todos os casos diagnosticados e 10% dos outros tipos da doença que acabam desenvolvendo-o de forma secundária. Mas apesar da baixa porcentagem, os tumores ósseos merecem atenção e precisam ser abordados o mais cedo possível, pois podem comprometer a qualidade de vida dos pacientes.

+ Siga o Webrun no Instagram!

Segundo o médico, especialista em ortopedia oncológica na Clínica Prime Regen, Dr. Daniel Gibson, entre os mais encontrados na população estão o osteossarcoma e o tumor de Ewing. Considerados graves e de uma heterogeneidade muito grande, acometendo em sua maioria pessoas de 10 a 20 anos.

“Inchaço e sensibilidade perto da área afetada, dores na região, febre e perda de peso sem intenção e cansaço extremo estão entre os sintomas do problema, que devem acender o alerta sobre a importância de procurar um médico para saber se está tudo certo com a saúde”, de acordo com Gibson.

+ Faça sua inscrição para seu próximo desafio!
+ Participe de um desafio virtual.

A princípio, para diagnosticar o câncer ósseo, o especialista pode realizar uma avaliação clínica com base nos sintomas, histórico de vida do paciente e solicitar exames de imagem. Desse modo, as abordagens para tratar o câncer nos ossos depende de diversos fatores, como: tipo de tumor, gravidade e estado da saúde do paciente.

“A medicina, que avançou muito nos últimos anos nesse setor, nos proporcionou poder contar com a ‘terapia alvo’, que atua na destruição das células cancerígenas sem prejudicar as células saudáveis do organismo. Ou seja, apresentando uma maior eficiência nos cuidados e menores efeitos colaterais da quimioterapia. E vale lembrar que quanto mais cedo é feito o diagnóstico, maiores as chances de sucesso no tratamento”, finaliza o médico.

Leia também:
– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?
– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts