• Corridas de Rua - Confira nossas últimas dicas para encarar a São Silvestre

Confira nossas últimas dicas para encarar a São Silvestre

Faltando um pouco mais de um mês para a corrida de rua mais famosa do país, é hora de pegar as últimas dicas e chegar preparadíssimo na São Silvestre. A tradicional corrida do dia 31 de dezembro atrai milhares de pessoas que buscam completar os 15 km como desafio para fechar o ano. Se você também vai participar da competição, dá uma olhada nesses conselhos que o Webrun reuniu:

 

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

– Sobreviva ao Natal . Um dos grandes desafios dessa reta final de preparação é o Natal. De acordo com o nutricionista, Danilo Balu a ceia está liberada, mas desde que se coma com moderação. “”Você pode comer de tudo um pouco. Duvido que já não tenha ouvido essa recomendação. Mas se quer comer o chester, o peru, o leitão e também o tender, faça em porções de degustação. Afinal esse é um período que geralmente reduzimos a atividade física e corremos o grande risco de ganhar muito peso”, explica.

Outra dica quanto à alimentação nos dias anteriores à prova, é não ousar no cardápio. Prefira o que você já está acostumado a comer. Você não vai querer ter uma surpresa por consumir um prato que não esteja acostumado, não é mesmo? Coma boas quantidades de carboidratos, mas evite o que for muito gorduroso.

– Atenção no look – Todo seu equipamento de corrida (shorts, camiseta, meias e tênis) deve ter sido testado durante os treinos, sobretudo nos mais longos. Nada de estrear o tênis na hora da São Silvestre.

– Café da manhã de rei? Para a especialista Laís Cardoso, o café da manhã do grande dia deve ser feito de duas a três horas antes da largada. A melhor escolha? Carboidratos, é claro. “Pão branco, bolo simples ou tapioca. Esqueça a barrinha de cereal em casa, já que as fibras contidas podem provocar desconfortos gastrointestinais. Frutas sem casca, pão integral e alimentos gordurosos também devem ser evitados”, recomenda.

– Calma na largada – A corrida tem largada prevista para as 9h, porém, para garantir um lugar à frente, muitos atletas chegam cedo demais e isso faz com que eles fiquem um bom tempo sob o sol. Para evitar desgaste desnecessário, o ideal é fazer a programação com antecedência e, dependendo do clima, quem sabe, abdicar de largar entre os primeiros. Além disso, é preciso ir preparado e ter paciência ao iniciar a prova, pois o volume de competidores é sempre grande.

Faça sua inscrição para a Meia Maratona Foz do Iguaçu UNINTER!

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

– Hidrate-se – a grande dica de antes, durante e depois da prova é sem dúvidas se manter hidratado. Para a nutricionista Laís Coelho o corredor deve consumir 500 ml de água (duas horas antes da prova. Meia hora antes de largar, a recomendação de consumo muda para 200 ml. Na competição, o ideal é consumir entre 180 e 300ml de água a cada vinte minutos.

Mas como o organismo de cada um funciona de uma forma diferente, você pode ficar atento aos sintomas do seu corpo e definir a melhor hora de se hidratar. Lembre-se, no entanto que, a falta de água no corpo durante a atividade física pode causar enjoos, fadiga precoce e até mesmo desmaios.

– Trace objetivos alcançáveis – A dica do treinador Nelson Evêncio é estabelecer 3 metas: sendo a primeira completar a prova, muita coisa pode acontecer com seu organismo, então completar sempre é uma vitória. A segunda deve ser um tempo igual próximo ao seu melhor, desde que tenha treinado para isso. E a terceira meta seria recorde pessoal ou o tempo dos seus sonhos, também desde que esteja dentro do alcançável levando em conta seu preparo.

– Encare o “bicho papão” – Considero um dos trechos mais desafiadores da prova, a subida da Avenida Brigadeiro Luis Antônio é o pesadelo de muitos corredores, mas nada que não possa ser superado. A dica de Nelson é: “Corra olhando para baixo, sem olhar muito para o final da subida. Isso ajuda a enganar o psicológico já que paramos de pensar que falta muito”, afirma.

Comentários

Tags:, , , ,
Carolina Abrantes
Estudante de jornalismo, já metida a repórter. Encantada pelo mundo dos esportes e pela forma como eles podem mudar a vida das pessoas.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade