Creatina: nutricionista explica como suplemento age nos músculos

A creatina é um dos suplementos mais queridos e recomendados pelos profissionais da nutrição. Mas, será que ele traz mesmo tantos benefícios? A resposta, para a nutricionista e educadora física Dani Borges, é sim.

Creatina: nutricionista explica como suplemento age nos músculos
Foto: iStock

“A creatina é um suplemento que a gente tem hoje no mercado, como sendo um dos mais testados e mais estudados do mundo. Temos estudos que dizem que a creatina auxilia no ganho de massa, de forma direta ou indireta porque ela aumenta a força e a resistência muscular”, disse.

Conforme Dani, pelo fato da creatina ser um dos suplementos mais estudados, foram feitas diversas análises para verificar se esse suplemento poderia causar malefícios aos rins. “Foi verificado que o uso contínuo da creatina durante 5 anos não causaria nenhum tipo de prejuízo aos rins. Inclusive, alguns obstetras liberam o uso até durante a gravidez”, disse.

De acordo com a profissional de saúde, a creatina não retém líquido. “Há anos surgiu essa falácia. Na verdade, o que a creatina faz é causar um inchaço intramuscular, o inchaço dentro do músculo. O que pode acontecer é que se a pessoa não estiver tomando a quantidade de água necessária e não estiver fazendo uma dieta adequada, ela pode sentir inchaço, mas não por causa da creatina”.

Segundo Borges, existem duas maneiras de se ingerir o suplemento sendo 1 com o período de saturação, onde tomamos 5g de creatina 4x ao dia por apenas 7 dias e a partir do 8 dia tomamos apenas 1x ao dia 5g. Com isso conseguimos que ela tenha efeito a partir do 7 dia, essa seria a vantagem da saturação. E de outra maneira podemos tomar 5g 1x ao dia, e assim não faria a saturação o que levaria cerca de 14 a 20 para a creatina agir com efeito esperado. Esse suplemento se aloja 95% no músculo e 5% no cérebro. Quando chegamos na saturação quer dizer que ela atingiu a quantidade necessária dentro do músculo.

+ Siga o Webrun no Instagram!
+ Baixe agora o APP Ticket Sports e tenha um calendário de eventos esportivos na palma da sua mão!

Por fim, Dani Borges pontuou que a creatina é um suplemento de efeito acumulativo, ou seja, ela surte efeito após ser acumulada no organismo ao longo do tempo e por isso deve ser ingerida todos os dias, inclusive nos dias sem treino, dias de descanso para que continue sendo ativada no corpo. “a creatina é um suplemento acumulativo, e não um pré ou pós treino e por isso, se fizer o uso, deve referir todos os dias”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts