Conheça os benefícios da cúrcuma para esportistas

Conheça os benefícios da cúrcuma para esportistas
Foto: Adobe Stock

cúrcuma, ou açafrão da terra, é conhecida e utilizada mundialmente por seus efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes. Para atletas e praticantes de atividades físicas de alta intensidade, essa especiaria pode se tornar uma aliada através da suplementação natural, por meio de cápsulas ou em pó. Já que os esportes de alto rendimento exigem muito do corpo, o que propicia o surgimento de quadros inflamatórios e danos celulares que podem gerar dores e comprometer o desempenho esportivo.

+ Siga o Webrun no Instagram!

Tendo como principais benefícios sua ação anti-inflamatória, a nutricionista e consultora da New Millen, Bruna Nogueira, afirma que a cúrcuma pode ser um ótimo agente para ser utilizado na dieta do atleta. Isto porque a especiaria atua com ação rápida e efeito modulador do estresse oxidativo pós-exercício que causa a dor muscular comum algumas horas após treinos pesados.

“A inflamação e o estresse oxidativo pós-exercício, em doses saudáveis e que o organismo seja capaz de controlar, é benéfica para o processo de hipertrofia e adaptação muscular, porém o excesso pode levar ao dano muscular. Com isso, o consumo da cúrcuma, em uma dose suplementar antes, durante e até 72 horas após o exercício proporciona redução do dano muscular induzido pelo exercício”.

+ Faça sua inscrição para seu próximo desafio!
+ Participe de um desafio virtual.

Ainda segundo a nutricionista, a introdução da cúrcuma no período pós treino auxilia na recuperação do músculo nos atletas de alto rendimento. E, desse modo, consequentemente, também beneficia a melhora do desempenho esportivo. Isso ocorre porque a recuperação muscular ajuda a manter uma perda menor de potência durante as atividades.

Já o consumo da cúrcuma antes e durante o treino exerce um papel imunomodulador, ou seja, preventivo às lesões. “Isso porque atletas e praticantes de exercício físico de alta intensidade podem ter uma redução da efetividade do sistema imunológico. Levando a uma maior susceptibilidade a infecções, o que pode prejudicar a performance. A cúrcuma apresenta importante papel na redução da inflamação e no estresse oxidativo. E, consequentemente, proporciona o equilíbrio do sistema imune”, explica Bruna Nogueira.

Leia também:
– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?
– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts