Eletroestimulação muscular: as 5 questões que você precisa saber

O treino envolvendo a eletroestimulação muscular pode gerar muitas dúvidas e questionamentos sobre diversos fatores. Por isso, em um convite da Miha, líder mundial no seguimento, realizamos um treino utilizando o método e o objetivo foi tirar todas as dúvidas sobre o procedimento que vem ganhando cada vez mais adeptos em diferentes modalidades, desde a corrida até esportes de contato, como o futebol.

+ Não fique de fora! O seu calendário completo de corridas de rua está aqui!

– Como funciona o treino de eletroestimulação muscular?

O treinamento foi realizado em uma sala na First Academia pelo educador físico Vitor Hugo Garbin Menna. O procedimento consiste em uma roupa especial e um colete, onde são colocados os eletrodos, ligados ao aparelho que emitem pequenos estímulos elétricos para os músculos, trabalhando desde as fibras mais profundas (fibras tônicas), até as mais superficiais (fibras fásicas).

Vitor explica que as fibras tônicas só são trabalhadas na musculação apenas depois de duas horas. Por este motivo, e devido ao fato de trabalhar cerca de 300 músculos ao mesmo tempo, os músculos continuam sendo contraídos mesmo depois do final da sessão. Outro benefício da eletroestimulação é a privação de lesões articulares, diferente dos demais treinos e aparelhos, além de ser rápido, com duração de 20 minutos, oferecendo maior flexibilidade.

– Para quais modalidades a eletroestimulação pode ser complementar?

O educador físico explica que dependendo da modalidade praticada pelo atleta, podem ser feitas sessões específicas para cada uma. “Se você joga futebol, nós montamos um treino específico para futebol, se você joga handebol, também conseguimos fazer algo específico para você, então a eletroestimulação muscular pode ajudar na melhora do rendimento e da performance do atleta independente da modalidade”, explica.

– O treino queima quantas calorias? Ele trabalha quais grupos musculares?

A queima calórica varia muito de acordo com as características de cada pessoa (gênero, idade e metabolismo), mas costuma variar em uma média de 200 a 300 calorias por treino. Os grupos musculares mais afetados do treinamento são os do quadril, coxas, abdômen, peito, ombro, braços e costas.

Eletroestimulação muscular: as 5 questões que você precisa saber
O treinamento realizado com a eletroestimulação – Foto: Leonardo Boscolo

– Posso realizar um treino em casa? Quais os riscos?

Existem aparelhos portáteis que realizam o treino em casa, no entanto, é sempre indispensável o acompanhamento e o auxílio de um profissional treinado para realizá-lo. Apesar de utilizar eletrodos e estímulos elétricos, a eletroestimulação muscular não apresenta riscos e nem restrições, podendo ser praticada por todas as idades, até mesmo pessoas com problemas cardíacos.

Eletroestimulação muscular: as 5 questões que você precisa saber
O treinamento realizado com a eletroestimulação – Foto: Reprodução/ Mih-bodytech

– Para corredores, como o treino de eletroestimulação muscular pode ser efetivo?

O ator Ricardo Pereira é um exemplo de como o aparelho pode auxiliar na corrida. Com o objetivo de correr a Meia Maratona de Lisboa, o ator tem investido em treinos com eletroestimulação para aumentar sua performance. Ele e a esposa, Francisca, têm utilizado a tecnologia miha, com orientação da personal trainer Ana Kurban.

+ A Timão Run está aqui! Veja como se inscrever!

“A EMS (eletroestimulação muscular) é um exercício completo e que exige muito de você. Estou animado com os resultados e a melhora de performance que percebi na corrida de rua”, disse Ricardo. O ator conheceu a eletroestimulação em 2018 e tem utilizado os equipamentos miha aliados com uma esteira duas vezes por semana, com sessões de 20 minutos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leonardo Boscolo

Leonardo Boscolo

Sou um apaixonado por esportes e aspirante a corredor. Um jornalista que vê na corrida um mundo de objetivos a serem alcançados, realizações pessoais e a oportunidade de se tornar cada dia uma pessoa melhor.

Ver todos os posts