• Atletismo - Conheça a história de Haile Gebrselassie, o imperador das maratonas

Conheça a história de Haile Gebrselassie, o imperador das maratonas

Haile Gebrselassie nasceu em Asella, Etiópia, no dia 18 de abril de 1973. É um atleta corredor de longa distância, considerado um dos maiores fundistas da história, ao lado do finlandês Paavo Nurmie e do tcheco Emil Zatopek. Gebrselassie nasceu em uma família de dez filhos na província de Arsi, nos planaltos etíopes. Foi uma criança pobre criada no campo, vivendo na fazenda de plantação de arroz, sem eletricidade nem água corrente. Ele costumava correr dez quilômetros entre sua casa e a escola todas as manhãs, fazendo o trajeto de volta na parte da tarde.

Foto: Corredores Anónimos

Haile começou a correr ainda jovem para ir à escola Foto: Corredores Anônimos

Este fato fez com que o corredor desenvolvesse uma postura característica sua, com o braço direito dobrado em um ângulo como se estivesse carregando os livros escolares. Em sua primeira corrida, aos 16 anos, uma prova de 1.500m contra corredores mais velhos, venceu e recebeu como prêmio um calção e camiseta. Começou a ser notado internacionalmente em 1992, quando ganhou os 5.000 m e os 10.000 m do Campeonato Mundial de Atletismo Júnior, em Seul e uma medalha de prata na categoria juvenil, do Campeonato Mundial de Cross-Country.

Participe do 4º Desafio Rota do Vinho. Clique aqui e inscreva-se!

No ano seguinte venceu, em Sttutgart, na Alemanha, o que seria o primeiro de uma série de quatro títulos consecutivos nos 10.000 m do Campeonato Mundial de Atletismo. Em 1994, pela primeira vez quebrou o recorde mundial dos 5.000 m, marcando 12m56s para a distância. Em 1995, abaixou sua melhor marca dos 5.000 m em mais de dez segundos(12m44) em Zurique, no que foi considerado pela revista Track & Field News ‘A Corrida do Ano’ e no fim do mesmo ano, quebrou pela primeira vez o recorde mundial dos 10.000 m (26m43s).

Casado e com três filhos, o homem que venceu 108 corridas em 56 cidades diferentes permanece comprometido com seu povo, a maioria do qual vive na extrema pobreza. Seus negócios na Etiópia empregam 400 pessoas e incluem dois hotéis, uma academia de ginástica um cinema e uma revendedora de automóveis. Ele também abriu e sustenta duas escolas, frequentadas por 1200 crianças, que estudam com computadores e equipamento de laboratório de pesquisas. Mais de 80% destas crianças recebem instrução de alto nível, contra os 10% normais da sociedade etíope como um todo. Um fato interessante sobre sua vida é que ele nunca tinha visto água de coco ou sequer sabia que coco possuía água, até prová-la, em uma visita ao Brasil, em 2009.

Foto: chronical live

Ele já correu com muitos campeões mundiais Foto: chronical live

Tem o apelido de “Imperador”, e fez por merecê-lo. Haile Gebrselassie imperou no esporte. Chama-se assim, Haile, em memória do imperador etíope Haile Selassie. O etíope bateu 27 recordes mundiais em sua carreira, foi nove vezes campeão mundial (cinco vezes outdoor e quatro indoor) em distâncias que variaram dos 1.500 m aos 10.000 m. E bicampeão olímpico dos 10.000 m (Atlanta 1996, e Sydney 2000). Não suficiente, quebrou duas vezes o recorde mundial da maratona de Berlim, a última delas em 2008 com um tempo de 2h03min59 (primeiro atleta na história a correr abaixo de 2h04min).

No dia 10 de maio de 2015, aos 42 anos, 25 anos depois de sua primeira prova, Haile Gebrselassie anunciou a saída definitiva do atletismo (em novembro de 2010 já o tinha anunciado, mas reconsiderou e voltou à competição) durante uma prova de 10 km, em Manchester. Disse, na época: “retiro-me do atletismo de competição, não da corrida. Não posso parar de correr, é a minha vida.”

 

Comentários

Tags:, , , , ,
Gabriel Gameiro
Estudante de jornalismo, que caiu no mundo dos esportes por acidente e com o tempo aprendeu a amar. Gosta do que faz e apesar de ainda não ser um corredor ama fazer spinning e cobrir corridas.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade