Jogos Paralímpicos de Londres têm início nesta quarta-feira

Pistorius rompeu barreiras entre o esporte olímpico e paralímpico (foto: Erik van Leeuwen/ Licença Creative Commons)
Pistorius rompeu barreiras entre o esporte olímpico e paralímpico (foto: Erik van Leeuwen/ Licença Creative Commons)

Mais de quatro mil atletas de 150 países competem a partir de quinta-feira (30/08) nos Jogos Paralímpicos de Londres. A abertura oficial do evento é nesta quarta-feira, 29, dezoito dias após o encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres.

A Paralimpíada vai até 9 de agosto, com 21 esportes e suas diversas variações. Só no Atletismo, são 170 modalidades. O maior nome da competição é o sul-africano Oscar Pistorius, amputado das duas pernas e que competiu também nos Jogos Olímpicos no início do mês tornando-se o único atleta da história a atuar nos dois eventos.

Pistorius detém os recordes mundiais T43 (classificação de atletas que não tem uma das pernas) nos 100, 200 e 400 metros. Além destas provas, ele competirá também no revezamento 4x100m.

O corredor aponta como um de seus principais adversários nos 100 metros o brasileiro Alan Fonteles. “Ontem (27/08), no jantar, eu cruzei com ele pela primeira vez aqui (em Londres). Ele está muito mais forte”, observa o africano.

Humilde, Pistorius nega ser o favorito na modalidade. “Eu ficarei feliz se conseguir ficar no pódio, temos a presença de grandes competidores como o Jerome Singleton (EUA) e o Alan”, diz.

O brasileiro admite estar na briga por medalhas, mas concorda com Pistorius sobre o equilíbrio na modalidade. “Tenho grandes chances, mas como ele disse, são uns seis atletas brigando. Só dará para saber quem vai ganhar na hora”, finaliza.

Coerência– Para realizar uma competição deste porte, o governo britânico investiu nas condições de acessibilidade de Londres, principalmente na parte de infraestrutura do transporte público. São 66 estações de metrô totalmente acessíveis (sem degraus), assim como toda a linha de trem e 8.500 ônibus com piso mais baixo para facilitar o acesso.

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts