• Corridas de Rua - Maratona do Rio: brasileiros brilharam nos 42k; 40 mil corredores participaram das provas

Maratona do Rio: brasileiros brilharam nos 42k; 40 mil corredores participaram das provas

Giovani dos Santos venceu a maratona e quebrou jejum de cinco anos de vitória de brasileiros. No feminino, a campeã foi a estreante Cristiane Alves

Foto: Guilherme Lepora/ Dizz Media

40 mil corredores foram às ruas neste final de semana na capital carioca para as provas da Maratona do Rio. A largada oficial foi dada no sábado (22) às 6h30 no Leblon para a Meia Maratona Olympikus. A onda amarela de corredores seguiu pela orla em direção ao Aterro do Flamengo para completar os 21k. 

No grupo de elite masculino, o brasileiro Gilmar Lopes liderou a maior parte da prova, mas foi ultrapassado na reta final após sentir um mal estar. A primeira colocação ficou com o queniano Stanley Koech com o tempo de 1h04min38s. Gilmar chegou em seguida apenas cinco segundos após o campeão. 

Campeão da Meia Maratona Olympikus 2019/ Foto: Gilvan Silva/ Dizz Media

“Foi uma prova muito boa. A temperatura amena contribui bastante para o nosso desempenho. Segui a minha estratégia de administrar um pouco durante a prova e guardar para o final”, afirmou o queniano. 

Já o brasileiro elogiou o novo percurso da prova. “Eu puxei o ritmo por bastante tempo, acabei sentindo um enjoo e ele me passou. Mas eu estou feliz com a segunda colocação. Eu gostei bastante do percurso, ficou mais plano e o clima estava bem legal para os corredores”.

Campeã da Meia Maratona Olympikus/ Foto: Gilvan Silva/ Dizz Media

Na categoria feminina, o lugar mais alto do pódio ficou com a também representante do Quênia Nancy Jesang, de apenas 20 anos, que fez sua estreia em meias maratonas. “Adorei o percurso, não estava muito quente. Achei uma prova agradável de correr e já quero voltar ano que vem”. Jesang cruzou a linha de chegada com o tempo de 1h15min40s. As brasileiras Rejane Bispo e Marcela Cristina chegaram em segundo e terceiro respectivamente, com os tempos de 1h17min25s e 1h17min47s.

Foto: Guito Moreto/ Dizz Media

Na categoria geral, diversos corredores elogiaram a beleza do percurso. “Eu vim de Belo Horizonte para fazer minha primeira meia aqui, o calor foi o obstáculo mais difícil de encarar, depois das 8h começou a ficar bem quente. Mas eu estou muito emocionada tanto pela distância quanto por fazê-la em um lugar tão bonito”. afirmou Gabriel Levy

Ator completou sua segunda Meia Maratona Olympikus/ Foto: Divulgação Olympikus

O ator Bruno Gagliasso também completou o percurso. Ele é um dos embaixadores da Olympikus e correu com o Pride 2, tênis oficial da Maratona do Rio. “Dessa vez eu tive menos tempo para me preparar, mas mesmo assim vim mais focado, a corrida já faz parte da minha vida e ter cabeça para prova é tão importante quanto corpo. Eu consegui chegar esse ano cinco minutos a menos do que na minha primeira meia no ano passado e foi tudo lindo”, contou. 

A prova teve diversas histórias de superação, entre elas a de Jéssyca Oliveira e o ultramaratonista Kerlaquian Júnior, um dos voluntários do projeto Correndo por Eles. Ele correu 20 quilômetros da prova empurrando-a em um triciclo e no último quilômetro foi dando o apoio necessário para que Jéssyca completasse a prova em pé e cruzasse a linha de chegada, pela primeira vez, caminhando. 

Projeto Correndo Por Eles/Foto: Carolina Abrantes/Webrun

“É um momento muito especial para mim, me toca muito e me motiva a querer me manter de alguma forma ativa”, contou. Já Kerlaquian afirmou que apesar de correr fazendo uma esforço maior, a emoção da prova supera tudo.“Em uma prova assim, não tem trecho difícil, a alegria é tão grande que nos dá forças para superar qualquer dificuldade, ainda mais nesse cenário que é o Rio de Janeiro”. 

Maratoninha Gloob

O sábado ainda contou com a segunda edição da prova infantil – Maratoninha Gloob, que colocou as crianças de 3 a 10 anos para correrem junto com seus pais distâncias entre 100 e 800m no Aterro do Flamengo.

Foto: Miriam Jeske/ Dizz Media

Uma participação especial emocionou a todos os presentes. Narbal Fernandes, embaixador da prova, correu junto com a filha Alícia, que é autista. “Foi muito lindo, ela ficou um pouco agitada no início, mas depois correu e emocionou a todos. Foi muito gratificante participar desta grande festa”, disse Fernandes.

Maratona do Rio Cosan 

Domingo (23) foi a vez dos 42k, a Maratona do Rio chegou a sua décima oitava edição com grandes nomes do atletismo mundial e brasileiro. O dia nem tinha amanhecido quando o grupo de elite largou às 5h30 no Aterro do Flamengo, e não demorou muito para que Giovani dos Santos assumisse a ponta. Ele liderou o percurso do início ao fim chegando em 2h18min48s aplaudido pelo público. 

“A prova foi difícil, bastante curvas no centro que exigem tangenciar muito, pelo menos não estava muito quente hoje. Nunca é fácil correr no Rio de Janeiro, mas eu me sinto em casa por ser no Brasil”. Giovani lamentou não ter alcançado o índice olímpico, mas comemorou o grande resultado, já que ainda está se adaptando à distância de 42 quilômetros. “Eu trabalhei para vir buscar o índice e fiz isso até o quilômetro 35, mas depois o vento me atrapalhou um pouco, a umidade do ar estava muito alta e caiu bastante meu rendimento. Estou um pouco triste por não ter atingido meu objetivo de índice, mas feliz também, apesar de tudo,  por ter feito essa colocação chegando em primeiro lugar”, contou.

Giovani dos Santos, campeão dos 42k/ Foto: Gilvan Souza/Dizz Media

Reafirmando o domínio brasileiro na prova, Antonio Wilson Sousa Lima (2h20m05s) e Edmilson Santana (2h20min47s) completaram a festa na segunda e terceira posição.

O percurso da Maratona do Rio passou por algumas alterações este ano devido à interdições na Avenida Oscar Niemeyer. Da largada no Aterro do Flamengo os corredores passaram pela Marina da Glória, seguindo um percurso pelo centro histórico. Na sequência, retornaram para o Aterro, seguindo para Copacabana e Ipanema até a fazer a volta no final da praia do Leblon, voltando em direção ao Aterro onde estava a linha de chegada.

Foto: Percurso no centro histórico/ Foto: Guito Moreto/ Dizz Media

Na prova feminina, a grande surpresa foi Cristiane Alves da Silva. A atleta viajou de Santo André  para o Rio com o objetivo de chegar entre as cinco primeiras, mas quando se deu conta, já estava no domínio da prova. Ela cruzou a linha de chegada com 2h50min23s.

“Eu não esperava esse resultado, realmente treinei para estar no pódio, mas acabei tendo uma surpresa muito melhor. Eu nunca nem tinha vindo para cá, na chegada eu nem acreditei. Estou realmente muito feliz com tudo isso, nem tenho palavras para agradecer”, disse Cristiane.

Estreante campeã dos 42k/ Foto: Gilvan Souza/ Dizz Media

A queniana Monica Cheruto e a também brasileira Roselaine Souza Ramos chegaram na segunda e terceira posição respectivamente, com 2h51min52s e 2h52min49s. 

A Maratona do Rio não era vencida por brasileiros desde 2014, quando o atual terceiro colocado, Edmilson Santana venceu com o tempo de 2h17min12. No feminino, o período de jejum era ainda maior, quase completando uma década sem uma brasileira no topo. A última vez foi em 2010, com Sirlene de Sousa de Pinho, terminando com 2h43min15.

Foto: MarcioRodrigues/ DizzMedia

Nesta 18ª edição, cerca de 11 mil corredores amadores que coloriram as ruas do Rio ao longo do percurso de 42k. Sem contar, os 3 mil atletas inscritos no Desafio Cidade Maravilhosa, que correram os 21k da Meia Maratona Olympikus no sábado e os 42k da Maratona do Rio Cosan.

Foto: Miriam Jeske/ Dizz Media

5k e 10k

Domingo também foi dia de 8 mil corredores participarem das provas de 5 e 10k. Nos 10k a vitória foi de Adair Henrique (33min26s) e Solange Mariano (38min16s). Já nos 5k, os campeões foram Liu Castelly (17min34s) e Maicon dos Santos Rocha (15min06s)

“Estou muito feliz com o resultado. Foi dentro do tempo que eu esperava. O percurso e tempo estavam muito bons”, afirmou Adair Henrique, campeão dos 10km. Ele é morador da comunidade Rio das Pedras, trabalha como caseiro e seu treino é ir de casa para o trabalho correndo.

Foto: Guilherme Lepor/ Dizz Media

RESULTADOS: 

– Meia Maratona Olympikus

Feminino
1)    Nancy Jesang – Quênia – 1h15min40s
2)    Rejane Ester Bispo – Brasil – 1h17min25s
3)    Marcela Cristina – Brasil – 1h17min47s
4)    Amanda Aparecida de Oliveira – Brasil – 1h18min46s
5)    Francielle Maria de Oliveira da Silva – Brasil – 1h19min23s

Masculino
1)    Stanley Kipchirchir KoechQuênia – 1h04min38s
2)    Gilmar Silvestre Lopes – Brasil – 1h04min43s
3)    Robson Pereira de Lima – Brasil – 1h06min28s
4)    Wellington Bezerra da Silva – Brasil – 1h06min48s
5)    Glenison Gilbert de Carvalho – Brasil – 1h07min06s

– Maratona do Rio Cosan

Feminino
1)   Cristiane Alves Silva (Brasil) – 2h50min23
2)   Monica Cheruto (Quênia) – 2h51min52
3)   Roselaine Souza Ramos Benites (Brasil) – 2h52min49
4)   Conceição de Maria Carvalho de Oliveira (Brasil) – 2h57min03
5)   Maurine Jelagat Kipchumba (Quênia) – 2h59min03

Masculino
1)   Giovani dos Santos (Brasil) – 2h18min48s
2)   Antonio Wilson Sousa Lima (Brasil) – 2h20min05
3)   Edmilson dos Reis Santana (Brasil) 2h20min47
4)   William Kimbor (Quênia) – 2h22min14
5)   Antonio de Souza Dias (Brasil) 2h23min04

– 5K

Feminino
1)    Liu Castelly – 17min34
2)   Priscila Lourenço Pinto de Almeida – 17min58
3)   Joseli Janis de Castro – 18min09
4)   Rosem Mayara Vieira da Silva Mendes – 18min36
5)   Maria Julia da Silva – 19min05

Masculino
1)      Maicon dos Santos Rocha – 15min06
2)      Marcos Ricardo Lima Carola – 15min18
3)      Tiago Dantas dos Santos Silva – 15min21
4)      Evandro dos Santos Ferreira – 15min30
5)      Josue Pedocchi de Andrade – 15min41

– 10K
Feminino
1)      Solange Mariano – 38min16
2)      Gisele Barros de Jesus – 39min48
3)      Ariadnes de Souza – 41min37
4)      Bruna Ramos Augustinho – 41min52
5)      Iris Ribeiro do Nascimento – 42min10

Masculino
1)      Adair Henrique dos Santos – 33min26
2)      Ojanio dos Santos – 33min54
3)      Edgar Luiz Claro – 34min16
4)      Vanderley da Conceição Gomes – 34min54
5)     Ernesto Saborio – 35min13

Os resultados de todas as provas serão disponibilizados no site do evento: www.maratonadorio.com.br

+ Clique aqui e escolha seu próximo desafio.

 

 

 

Comentários

Tags:, , , , , ,
Carolina Abrantes
Estudante de jornalismo, já metida a repórter. Encantada pelo mundo dos esportes e pela forma como eles podem mudar a vida das pessoas.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade