Marilson defende o título da Maratona de NY em novembro

Marilson corre NY pela quarta vez (foto: Fernanda Paradizo/ Webrun)
Marilson corre NY pela quarta vez (foto: Fernanda Paradizo/ Webrun)

O brasileiro Marilson Gomes dos Santos vai defender o título da Maratona de Nova York, no próximo dia primeiro de novembro. Nessa quinta-feira (17), ele anunciou oficialmente, em São Paulo, sua participação na prova.

O maratonista é atualmente bicampeão de Nova York. Ele venceu a prova pela primeira vez em 2006 e repetiu o feito no ano passado. Essa será sua quarta participação na maratona norte-americana. “É um prazer retornar à Nova York. Gosto dessa prova por ter muitas subidas, descidas e clima parecido com o de São Paulo. Estou tranqüilo para a disputa”, conta.

Marílson vem de uma série puxada de treinos, já que participou do Campeonato Mundial de Atletismo no mês de agosto. De acordo com o atleta, o Mundial era seu principal objetivo de 2009, porém, ele não obteve o resultado desejado na prova. “O meu objetivo era o mundial, mas eu não estava num dia legal. Agora estou recomeçando novos treinamentos para Nova York”, revela.

Para a maratona, o brasileiro deve participar de duas provas maiores como forma de treinamento. Umas delas já está definida, o Mundial de Meia Maratona, na Inglaterra, que acontece no dia 11 de outubro. “Lá o Marílson não vai correr tão rápido. Ele deve correr entre 1h01 e 1h02, mas vai ser um bom teste antes de Nova York”, adianta o treinador do atleta, Adauto Domingues.

Além do Mundial, Marilson também deve realizar todos os treinos na cidade de Campos de Jordão (SP), para aproveitar a altitude. “O meu treino desse ano não é muito diferente dos outros anos. Apesar desse ano ter sido atípico, porque fiquei afastado de novembro a fevereiro, por causa de uma bursite no pé, me recuperei bem e consegui voltar a tempo”.

O objetivo de Marilson na maratona de Nova York é brigar pelo pódio e de preferência conquistar o primeiro lugar. Segundo o treinador do atleta, hoje ele não pode mais entrar numa prova sem querer brigar pelos três primeiros lugares.

Futuro – Depois de Nova York, o atleta ainda não sabe o que vai fazer. Porém, ele e seu treinador adiantaram que para o ano que vem, Marílson deve correr atrás do recorde brasileiro da maratona. “Em 2010 provavelmente vamos tentar bater essa marca brasileira na Maratona de Londres”, revela Adauto.

Hoje o recorde brasileiro da maratona pertence a Ronaldo da Costa com o tempo de 2h06min05. A melhor marca de Marílson nos 42 quilômetros é 2h08min37, conquistado em Londres em 2007.

Este texto foi escrito por: Donata Lustosa

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts