Conheça os mitos e verdades do treinamento para mulheres

A profissional de educação física da Rede Just Fit, Thays Modesto, desvenda os mitos e verdades do treinamento para mulheres e dá 5 motivos a mais para elas não saírem da academia.

Os mitos e verdades do treinamento para mulheres

treinamento para mulheres
Foto: Adobe Stock

Um treino feminino deve ser mais especifico para ser mais eficaz?

Mito

Na verdade, Todos os treinos são eficazes, o que diferencia é o objetivo de cada mulher. “As mulheres que apresentam um percentual de gordura acima do normal, normalmente fazem exercícios aeróbicos ou de pausa ativa, para a queima da gordura, junto com a musculação para o fortalecimento muscular”, explica a profissional de educação física.

Algumas partes do corpo das mulheres precisam ser mais bem trabalhadas do que outras.

Mito

“Todas as partes devem ser trabalhadas, mas normalmente o foco delas é sempre maior em membros inferiores, glúteos e abdômen, pois o corpo feminino acaba concentrando maior percentual de gordura nessas regiões”, diz Thays.

Durante o ciclo menstrual é melhor pegar mais leve no treino.

Verdade

O exercício provoca respostas hormonais com influência fisiológica e psicológica e de acordo com a intensidade, tipo e tempo de treino e como o nível de estradiol cai no período da menstruação, certamente existe um impacto da capacidade de recuperação durante esta fase. “O melhor a fazer é tentar fazer um treino leve de musculação ou apenas um aeróbico de baixa intensidade. E se não conseguir treinar nesses dias, o melhor a fazer é repousar e ter um descanso recuperativo”, alerta.

As pausas e intervalos de treinos são diferentes para elas.

Verdade

Existem várias diferenças fisiológicas ente o homem e a mulher que explicam as diferenças de desempenho entre os sexos. “Quando analisamos os indicadores de recuperação pós-atividade, podemos constatar que a mulher tem uma recuperação mais rápida que o homem”, explica a especialista.

A conclusão da maioria dos estudos é que a mulher se recupera mais rápido que o homem, e apontam para um mediador hormonal como o responsável por esta diferença. O principal hormônio feminino, o estradiol seria o responsável por uma recuperação mais rápida, principalmente por suas propriedades de proteção contra o estresse oxidativo e o processo inflamatório no período pós atividade.

+ Confira aqui o seu calendário completo de corridas de rua!

Benefícios do treinamento para as mulheres

A especialista ainda deixa 5 benefícios que a atividade física pode proporcionar para as mulheres:

• O risco relativo de morte é reduzido em até 35%;

• Melhora a qualidade de vida depois do tratamento contra câncer de mama;

• Reduz o risco de câncer de cólon;

• A pressão arterial é mais controlada;

• Colabora para diminuir os sintomas da depressão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts