Muktar Edris da Etiópia impede o tetracampeonato de Mo Farah nos 5.000 metros

*Texto do colunista e treinador Nelson Evêncio

Estádio lotado, despedida em casa de Mo Farah das pistas, que de forma fantástica já havia obtido o bicampeonato nos 10.000 metros e agora tentava seu 4º título mundial consecutivo nos 5.000 metros.

Com 12min53seg11 como melhor tempo, além dos títulos de campeão olímpico em Londres 2012 e no Rio 2016, Farah mais uma vez como favorito. Os grandes adversários eram os etíopes Muktar Edris, 24 anos, 12min54seg84, líder do ranking mundial, Selemon Barega de apenas 18 anos, 12min55seg58, campeão mundial sub 20 anos em 2016, 2º do ranking mundial e Yomif Kejelcha, 21 anos, 12min53seg78. Paul Kikemoi Chelimo, queniano agora naturalizado americano, prata nos Jogos Rio 2016 com 13min03seg90, também era uma grande ameaça.

Mo Farah se despediu do atletismo Foto: Divulgação Facebook
Mo Farah se despediu do atletismo Foto: Divulgação Facebook

A prova começou com os primeiros 1.000 metros sendo cumpridos e 2min48seg20, liderados por Andrew Butchart da GBR. Farah tomou a ponta e segurou ainda mais o ritmo, passando os 2.000 metros em 5min48seg08, com a parcial de 1.000 metros em 2min59se80. Esse ritmo muito lento favorecia tecnicamente Mo Farah, que vencerá quase todas as suas provas acelerando na última volta.

Dos 2.000 metros para os 3.000 metros em 2min45seg73, desta vez liderados por Patrick Tiernan da Austrália, que alcançou a marca dos 3.000 metros em 8min32seg93. Mais 1.000 metros ainda  liderados por Tiernan, porém agora em ritmo mais forte (2min36seg74) e a marca dos 4.000 metros foi alcançada em 11min09se67.

Clique aqui e inscreva-se para o Circuito Rios e Ruas – Etapa Centro Histórico!

Faltando 1.000 metros os atletas apertaram ainda mais o ritmo, temendo a já tradicional última volta forte de Mo Farah. Farah acelerou, mas logo dois etíopes, Kejecha e Edris tomaram a frente. Chelino e Farah reagiram, mas os etíopes aceleraram ainda mais e com 2min23seg73 nos últimos 1.000 metros, menos de 53 segundos nos últimos 400 metros.

Edris conquistou a medalha de ouro com o tempo de 13min32seg79. Farah, inconformado, ficou com a prata, com 13min33seg22 e Paul Chelimo com 13min33seg30 terminou com bronze.

Pódio dos 5.000 metros masculino Foto: Divulgação Facebook
Pódio dos 5.000 metros masculino Foto: Divulgação Facebook

Colocação final:

  1. Muktar Edris – ETH – 13min32seg79
    2. Mohamed Farah – GBR – 13min33seg22
    3. Paul Kipkemoi Chelimo – USA – 13min33seg30
    4. Yomif Kejelcha – ETH – 13min33min51
    5. Selemon Barega – ETH – 13min35seg34
    6. Mohammed Ahmed – CAN – 13min35seg42
    7. Aron Kifle – ERI – 13min36seg91
    8. Andrew Butchart – GBR – 13min38seg73
    9. Justin Knight – CAN – 13min39seg15
    10. Kemoy Campbell – JAM – 13min39seg74

 

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts