Mundial de Atletismo Indoor: brasileira Geisa Coutinho é desclassificada nos 400m

A imagem do Photofinisher mostra a briga de Geisa com a britânica Nadine Okyere (foto: Reprodução)
A imagem do Photofinisher mostra a briga de Geisa com a britânica Nadine Okyere (foto: Reprodução)

Nesta sexta-feira (09/03) teve início a disputa do Mundial Indoor de Atletismo em Istambul, na Turquia, evento em que o Brasil está representado em diversas modalidades. Numa das primeiras provas do dia, os 400m, a brasileira Geisa Coutinho fez uma boa largada, mas acabou desclassificada pelos árbitros.

O anúncio veio no placar oficial do estádio e surpreendeu a comissão técnica, já que a brasileira havia cruzado na segunda colocação. “Os árbitros alegaram que ela havia pisado na linha interna, o que no vídeo não parece tão claro. Fizemos um protesto, mas o júri manteve a decisão da arbitragem”, explica José Antonio Fernandes, o Toninho, chefe da equipe. “Foi uma pena, pois ela tinha chance de passar para a semifinal”.

Esse resultado acaba com o sonho da brasileira em bater seu atual recorde brasileiro indoor nos 400m, de 54seg23, obtido na cidade britânica de Birmingham, em 2003. A vitória na bateria de Geisa foi da americana Sanya Richards, com 52seg81, mas o melhor tempo foi da ucraniana Nataliya Pyhyda, com 52seg02.

Este texto foi escrito por: Redação Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts