Treinos e dietas: o que não fazer durante a quarentena?

Nesta quarentena, você já deve ter visto muitas aulas online com exercícios para manter a forma em casa. Também já ouviu muita gente falando sobre dietas que prometem perda de peso durante a pandemia. Afinal, manter o corpo em dia é quase um desejo unânime. Mas, você sabe quais os riscos que corre fazendo isso sem orientação adequada?

+ O seu calendário completo de corridas de rua está aqui!

Para o preparador físico Willian Oliveira, as pessoas não sabem identificar a intensidade e o peso que devem ser aplicados, e se o exercício foi feito de maneira correta.

“Conheço muita gente que se lesionou executando sozinho treinos na internet. As lesões mais comuns são nas articulações, ombros, joelhos e quadril, além das dores na lombar. Isso acontece porque as pessoas não têm conhecimento, não sabem se estão sobrecarregando um grupamento ou articulação”, explica.

Para alertar sobre as consequências de tentar manter a forma a todo custo neste período de coronavírus, a nutróloga Nívea Bordin, da clínica Leger, e o preparador físico Willian Oliveira esclareceram as principais dúvidas sobre o assunto.

O que não fazer durante a quarentena?

Treinos e dietas: o que não fazer durante a quarentena? - Foto: Adobe Stock
Treinos e dietas: o que não fazer durante a quarentena? – Foto: Adobe Stock

– Quais os perigos de seguir dietas da internet para manter a forma na quarentena?

O perigo da internet é o indivíduo seguir uma dieta que não é adequada para o biotipo dele e sua composição corporal. É preciso saber direitinho quais alimentos introduzir na alimentação. As dietas da internet são feitas sem nenhum critério, e cada um tem uma característica específica que tem que ser cuidada. Em cada dieta, precisam ser calculado os carboidratos, as proteínas, os legumes e as verduras para que se tenha um equilíbrio e se alcance o resultado desejado.

– Quais alimentos devemos consumir para acelerar o metabolismo e melhorar a imunidade?

Os alimentos que aceleram o metabolismo são: canela, pimenta, café, gengibre, abacaxi, abacate e brócolis. A pimenta, por exemplo, tem uma substância que é a capsaicina, que pode acelerar o metabolismo e aumenta a queima de calorias e gorduras no organismo.

– Quais alimentos devemos não consumir ou evitar para não ganhar peso durante a quarentena?

Açúcar, trigo, enlatados, frituras e refrigerantes. Não consuma enlatados, opte pela versão in natura, sem condimentos. Substitua frituras por versões ao forno. Um peixe empanado, por exemplo, pode ser feito no forno, empanado com farinha de batata doce, de aveia ou de arroz. A batata também pode ir ao forno. Opte por sucos naturais ao invés de refrigerantes. Mas não se esqueça de consumi-los apenas no lanche, nada de fazer as refeições principais (almoço e jantar) com bebidas.

– Quais os riscos de reproduzir treinos da internet em casa?

Apesar de serem comuns as postagens de treinos e dicas nas redes sociais, é preciso ter cuidado porque muitas não são seguramente indicadas e não passam pela aprovação de um especialista no assunto. O maior problema é que você, por não ter muito conhecimento sobre o assunto, executa esses treinos sem nenhum critério, se lesionando facilmente.

-O que fazer para manter a forma durante a quarentena?

É possível perder peso na quarentena fazendo exercícios físicos em casa. Com um treino de 30 a 45 minutos diários, mais o controle das calorias ingeridas, conseguimos ter uma ótima perda de peso e melhorar o condicionamento cardiovascular. Mas, para isso, é preciso ter a orientação de profissionais capacitados, que vão saber indicar o treino específico. Não adianta seguir exercícios da internet sem orientação.

– Que tipo de orientação a pessoa que quer manter a forma deve procurar durante o isolamento social?

Os idosos são os que mais correm risco, por isso precisamos ter muito cuidado com quedas, dores nas articulações e perda de massa magra. O ideal nesse momento de isolamento é ter uma a alimentação rica em nutrientes para manter a imunidade, e treinos diários com orientação de um profissional, mesmo que por vídeo, para a liberação hormônios e fortalecimento das articulações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts