Pandemia e osteoporose: sedentarismo aumenta o risco de perda muscular e fraturas

Neste momento em que ficar em casa ainda é a alternativa mais segura à saúde, a atividade física pode acabar perdendo lugar na rotina da população. A mudança de hábito aumenta os riscos de problemas de saúde, principalmente para quem já possuí alguma doença óssea. Segundo o reumatologista do Hospital Edmundo Vasconcelos, Leandro Parmigiani, o quadro eleva a chance de perda muscular e o risco de fraturas em quem já convive com a osteoporose.

“O exercício físico é muito importante para os pacientes que convivem com doenças como osteoporose, osteoartrite e artrite reumatoide, pois ajuda a fortalecer a qualidade do osso e estabilizar a integridade da articulação. Mas vale lembrar que para cada problema há uma indicação de atividade”, explica o médico.

+ Siga o Webrun no Instagram!

Pandemia e osteoporose: sedentarismo aumenta o risco de perda muscular e fraturas
Foto: Adobe Stock

No caso da osteoporose e artrite reumatoide controlada, exercícios com carga, como a musculação, são os mais indicados. Já para os pacientes com osteoartrite a recomendação é de inclusão de dinâmicas de baixo impacto como a hidroginástica e natação para evitar o risco de aceleração do desgaste articular.

Parmigiani lembra que, além do exercício físico, os quadros das doenças são impactados por mais dois aspectos: alimentação e obesidade. “A manutenção do peso evita o aumento de células inflamatórias que estão envolvidas nos processos das doenças reumatológicas, cardiológicas, renais e dermatológicas entre tantos outros”, explica.

A ingesta excessiva de álcool e o tabagismo também aceleram o envelhecimento celular e levam a um maior desgaste dos ossos e das articulações. “Sabemos que neste momento pandêmico alguns hábitos não saudáveis ganham protagonismo. Mas é importante que, além da segurança contra a covid-19, não deixemos de cuidar da saúde por completo para evitar outras consequências”, complementa o reumatologista.

Conheça seu próximo desafio na corrida de rua!
+ Veja como participar de uma corrida virtual!

Você conhece a diferença entre artrite, artrose e osteoporose?

Artrite: é uma inflamação importante das articulações que provoca dores constantes e limitações decorrentes deste processo inflamatório autoimune. Vale lembrar que várias doenças, inclusive infecções virais e bacterianas, podem causar o problema.

Artrose: definida agora por Osteoartrite: é uma doença degenerativa do envelhecimento que também provoca uma inflamação articular em proporção menor que a Artrite Reumatoide, levando ao desgaste articular.

Osteoporose: é uma doença silenciosa, que não causa dor, mas provoca fraturas devido à fragilidade óssea.

Leia também:

– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?

– Conheça os principais benefícios da caminhada para a saúde
– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis 
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts