Já ouviu falar do overtraining? Saiba como evitar!

Independente da modalidade praticada, exercícios físicos demandam muita disciplina e persistência, afinal, busca-se a superação dos limites do próprio corpo. No entanto, apesar do esforço, a prática esportiva também exige cautela a longo prazo, já que o overtraining pode estar mais próximo do que você imagina.

De acordo com o ortopedista e fundador da SOU Dr.º Pedro Baches Jorge, para obter bons resultados com as atividades físicas é necessário evitar o “overtraining”, palavra em inglês que significa sobrecarga, que pode afetar negativamente o sistema nervoso e metabólico. “Em alguns casos, a prática pode causar falta de apetite, irritabilidade e até problemas para dormir”, explica.

+ Siga o Webrun no Instagram!

Já ouviu falar do overtraining? Saiba como evitar!
Foto: Adobe Stock

Pensando nisso, o profissional dá dicas de como evitar o overtraining e manter uma rotina saudável de atividades físicas:

Volume de treino adequado

Estabelecer uma rotina de volume de exercícios não é uma tarefa simples, principalmente para quem está começando. É necessário levar em consideração seus limites aos movimentos, repetições e tempo de prática. “Fazer além do que o corpo pode suportar é prejudicial à saúde, podendo causar dores e descolamentos nos músculos. Além disso, o resultado acaba não sendo efetivo como o desejado”, comenta.

+ Faça sua inscrição para sua próxima corrida de rua aqui!
+ Participe de um desafio virtual.

Alimente-se corretamente

Parte fundamental da prática de atividades físicas e do desenvolvimento muscular, a dieta equilibrada regula os níveis hormonais e é fonte de energia para os exercícios. Portanto, é importante alimentar-se a cada duas ou três horas e antes dos treinos, não pulando nenhuma refeição. Além disso, é indispensável beber muita água durante o dia, principalmente antes e depois das atividades.

Repouso é a chave

O descanso também é essencial para evitar o overtraining. “Para que os exercícios tenham resultados, o repouso é indispensável, por isso, é recomendado dormir em média sete horas por noite. Além disso, é bom que exista pelo menos um dia de folga entre os dias de atividades”, completa.

Leia também:

– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?

– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis 
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts