Por que não emagreço mais mesmo treinando? Saiba o que pode ser

Você se esforça, leva os treinos a sério, define uma meta para perder peso e começa a começa a prestar mais atenção no que está comendo, mas se uma hora para a outra parece que mais nada dá resultado, apesar de toda a disiplina. E você fica se perguntando: por que não emagreço mais? Calma, isso pode acontecer com qualquer pessoa!

Antes largar de mão da vida saudável, saiba que isso é totalmente normal, e às vezes alguns ajustes na rotina podem fazer toda diferença. Isso porque estagnar no processo de emagrecimento ou gnhar alguns quilinhos, pode evidenciar que você ainda não acertou na combinação ideal de treino + alimentação para o seu objetivo específico de perda de peso.

Por que não emagreço mais mesmo treinando? Saiba o que pode ser
Foto: Adobe

Não há problema querer emagrecer, desde que você o faça de maneira saudável e de preferência com acompanhamento profissional para ser orientado corretamente. Mas, saiba que, treino e nutrição não são ciências exatas. Sua rotina de exercícios e como você se abastece afetam seu metabolismo, a maneira como seu corpo acumula gordura e a produção de hormônios como cortisol, insulina, entre outros, que são essenciais para o sucesso quando você está tentando atingir o peso ideal.

Portanto, se você está se perguntando “por que não emagreço mesmo treinando?”, aqui estão algumas possíveis razões:

1. Compensar demais

Isso é fácil de fazer quando você começa a aumentar o volume de treinos. Você pensa: “Treinei a semana toda; no fim de semana posso comer o  que quiser”. Contudo, isso acaba sendo muito mais do que você precisa. A ideia não é ficar neurótico contando todas as calorias daquilo  que come, mas é bom ter uma noção daquilo que você gasta nos treinos versus o quão calórica podem ser as comilanças do fim de semana. Em tese, a soma de todas as calorias perdidas nos treinos deve ser sempre maior do que a soma daquela refeição para recompensar seu esforço.

2. Seus músculos estarem acumulando energia

Não é incomum ganhar alguns quilos quando você começa a aumentar suas corridas, como quando você treina para uma maratona. Seus músculos respondem ao nível elevado de esforço armazenando mais glicogênio, que se liga à água nas células musculares para mantê-lo abastecido, Isso pode aumentar dois ou três quilos de seu peso total. À medida que você for se adaptando, precisará de menos glicogênio armazenado para realizar a mesma quantidade de trabalho. É mais fácil falar do que fazer, mas seja paciente e concentre-se no objetivo de longo prazo, em vez de se fixar no que a balança diz hoje.

+ Siga o Webrun no Instagram!

3. Estar ganhando músculos

Seus músculos respondem ao estresse do treinamento intenso na corrida e na academia, ficando maiores e mais fortes. E aqui está um fato muitas vezes esquecido: o tecido muscular é mais denso que o tecido adiposo, o da gordura. Conforme você ganha mais músculo e perde gordura, você vai alterando sua composição corporal geral, o que pode resultar em um peso maior. Se a balança subir, mas sua cintura não, isso é sinal de que você está ficando mais forte.

+ Confira aqui o seu calendário completo de corridas de rua e não perca nenhuma!
+ Participe de uma corrida virtual!

4. Reter líquidos

Às vezes é normal ficar um pouco mais inchado, devido à retenção de líquidos, especialmente para quem é iniciante ou aumentou recentemente a quantidade de treinos. As corridas intensas e/ou as sessões musculação na academia exercem pressão sobre as fibras musculares, causando traumas que levam à inflamação, parte necessária do processo de cicatrização e reparo. Seu corpo responde retendo líquidos. Não é permanente, mas pode ser persistente até você se ajustar à sua nova rotina. Respeite seus dias de descanso para que você possa se recuperar totalmente e voltar mais forte.

5. Não estar se recuperando corretamente

Muitas pessoas se preocupam apenas com o treinamento intenso e esquecem a segunda parte que é a recuperação. Não deixar o corpo descansar durante uma rotina de exercícios pode causar inflamações crônicas e interrupções hormonais, que podem resultar em ganho de peso. Respeitar o treinamento permite que você se fique ainda mais forte e resistente, além de ajudar a melhorar o desempenho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts