Campo Grande tem primeira corrida de rua durante a pandemia

Falar em corrida de rua durante a pandemia de Covid-19 pode parecer algo muito distante da realidade atual de várias cidades brasileiras, mas em Campo Grande o retorno da modalidade está acontecendo. A cidade que é capital do Mato Grosso do Sul, estado com o menor número de casos de Covid-19 no país, liberou a realização da Corrida Digital, um evento presencial de corrida de rua com mudanças no formato e cuidados de distanciamento. A prova começou nesta segunda-feira (1) e vai até domingo dia (7). Ficou confuso? Vamos te explicar como funciona:

A Corrida Digital, faz parte do circuito de corridas de rua Rota das Estações 2020, da TV MS Record, o circuito que antes da pandemia acontecia dentro dos padrões de uma “corrida de rua comum”, inovou. Desta vez, os atletas inscritos têm o prazo de uma semana para realizar a prova, que acontece no Parque dos Poderes de Campo Grande. Ou seja, cada um escolhe um horário de sua preferência entre 6h e 20h durante os dias desta semana para ir ao local de prova, com toda estrutura montada, e completar o percurso. Evitando, assim,  aglomerações na largada e na chegada.

“A prova foi organizada para garantir a atividade física respeitando o distanciamento social necessário em época de pandemia de coronavírus. Assim, o atleta poderá escolher a data da prova e o horário. Não haverá a tradicional largada dos corredores, apenas fiscais orientando os atletas”, informa a organização. Além disso, foi pedido no regulamento do evento que todos os corredores utilizem máscaras e sigam as orientações sanitárias em vigor, incluindo o distanciamento de no mínimo 2 metros entre um atleta e outro.

Qual o percurso? 

A corrida tem início em frente à Secretaria Estadual de Educação, seguindo trajeto dentro do Parque dos Poderes. O percurso é único, de 5 km para todos. Após a largada, o corredor percorrerá a Avenida do Poeta e a Desembargador José Nunes da Cunha até chegar à rotatória da Avenida Mato Grosso, quando terá cumprido metade da prova. A outra metade é o retorno até o local de largada.

Campo Grande tem primeira corrida de rua durante a pandemia
Percurso Corrida Digital/ Foto: Divulgação Rede MS

Como será marcado o tempo de cada corredor? 

Ao longo do percurso há três pórticos com sinalização para os atletas, os sensores vão captar o tempo dos atletas que estão com chip. O tempo de cada competidor será registrado de forma automatizada. Como o evento ocorre dentro de um parque, a corrida não afetou o tráfego da cidade e o parque permanecerá aberto durante o dia para o restante da população da cidade.

O resultado final da prova será divulgado no site oficial. Quando o prazo de realização do percurso terminar, a organização divulgará a classificação dos atletas, anunciando os mais rápidos. Após a conclusão da corrida, todos os corredores receberão medalha de participação e os primeiros colocados ganharão troféu e premiação em dinheiro.

+ A corrida ainda não foi libera na sua cidade? Faça uma prova virtual!
+ Entenda como funciona uma corrida virtual

Pré-prova

Durante as inscrições, os 300 participantes do evento escolheram entre o Asilo São João Bosco e o Projeto Criança Feliz  para receberem 20% do valor da taxa de inscrição; segundo a organização, ambas instituições serão beneficiadas. A entrega de kits foi feita no último fim de semana na sede da Rede MS, patrocinadora do evento, em sistema drive-thru para garantir a segurança de todos.

E aí, gostou da dinâmica da prova?

+ Escolha uma prova para se desafiar ainda este ano, confira o calendário completo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carolina Abrantes

Carolina Abrantes

Estudante de jornalismo, já metida a repórter. Encantada pelo mundo dos esportes e pela forma como eles podem mudar a vida das pessoas.

Ver todos os posts