Veja como foi a primeira edição da Asics Golden Run Sprint 10K SP

No último domingo (9), foi realizada a Asics Golden Run Sprint 10K, uma prova rápida e que serviu de comemoração de 10 anos do circuito de corridas da marca japonesa. Com largada às 6h40, a corrida se iniciou e terminou na Marginal Pinheiros, em um percurso plano, que favoreceu muito para que os participantes pudessem quebrar seus recordes pessoais.

+ Quer correr uma prova da Asics? Encontre todas aqui!

Este foi o caso de José Fuzioka, que correu uma prova da marca pela primeira vez e conseguiu seu melhor tempo nos 10K. “O percurso na marginal ajudou muito por ser plano e a prova estava muito bem organizada, com muitos pontos de hidratação e consegui bater meu RP hoje”, conta.

A manhã paulista também colaborou com os corredores, em um clima ameno e propício para uma corrida leve e cheia de emoções. Montada dentro do Parque do Povo, a arena da competição contava com tendas de assessorias esportivas, massagem de recuperação pós prova, grafites feitos por artistas e os mais conhecidos e disputados pontos de fotos.

Os vencedores da Asics Golden Run Sprint 10K

Asics Golden Run Sprint 10K
Foto: Leonardo Boscolo/Webrun

Masculino

No pódio da categoria Sprint Masculino, uma surpresa ocupou o lugar mais alto. O queniano Edwin Kipsang, bicampeão da Corrida de São Silvestre em 2012 e 2013, venceu a prova com um tempo de 29min42s. Ederson Vilela, com 30min09s, Wellington Bezerra, vencedor da meia maratona da Asics em 2019, com 30min14s, Damião Anselmo, com 30min28s e Solonei Silva com 30min48s, completaram os 5 primeiros colocados.

“Foi muito legal estar na Asics Golden Run São Paulo, foi uma prova super rápida, plana e eu fiz questão de estar aqui, já que eu tenho uma história muito bonita no circuito Asics, foi o circuito que eu estreei em meias maratonas em 2013 no Rio de Janeiro, já fui recordista desse circuito em Porto Alegre (2013), ano passado venci a meia maratona aqui em São Paulo e não podia deixar de participar, por isso, vim para cá fazer o meu primeiro teste de 2020 e estou muito feliz com o 3º lugar”, contou Wellington Bezerra, o cipó.

Já na categoria Geral Masculino, Sérvullo Viana foi o grande vencedor com um tempo de 35min24s. Leandro Zani (36min23s), Marco Cruz (38min44s), Marcos Pedroso (38min51s) e Deivid Gonçalves da Silva (37min35s) finalizaram o pódio.

Solonei Silva, ícone do atletismo brasileiro e ouro na maratona dos Jogos Pan-americanos de 2011, também contou sobre a nova prova da marca. “Foi uma prova super plana, a maioria das pessoas que conversou comigo me disseram que bateram seu recorde pessoal e correr na marginal via expressa é algo bem diferente, já que só costumamos passar com o carro aqui. E a vibe toda que as provas da Asics tem como característica, essa confraternização pós prova, fazendo seu recovery e sua massagem é muito bacana”, disse.

+ Veja aqui qual será seu próximo desafio na corrida de rua!

Feminino

Na categoria Sprint Feminino, a ugandense Emily Chebet, com 34min31s foi a grande campeã do domingo. Completaram o pódio a queniana Janet Cheruto, com 34min42s e as brasileiras Graziela Zarri (34min50s), Valdilene dos Santos (34min56s) e Maria Aparecida Ferraz (35min20s).

Na categoria Geral Feminino, Adriana Toledo (41min59s) ocupou o lugar mais alto do pódio. Completaram as 5 primeiras colocadas Priscila Molina (42min02s), Raimunda dos Santos (42min22s), Pollyanne de Souza (43min06s) e Karina Golfetto (44min08s).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leonardo Boscolo

Leonardo Boscolo

Sou um apaixonado por esportes e aspirante a corredor. Um jornalista que vê na corrida um mundo de objetivos a serem alcançados, realizações pessoais e a oportunidade de se tornar cada dia uma pessoa melhor.

Ver todos os posts