Rivaldo Martins vence o Ironman da Nova Zelândia

Rivaldo Martins após vencer a última edição do Triathlon Internacional de Santos  há duas semanas atrás (foto: Harry Thomas Jr  Arquivo WebRun)
Rivaldo Martins após vencer a última edição do Triathlon Internacional de Santos há duas semanas atrás (foto: Harry Thomas Jr Arquivo WebRun)

O triathleta brasiliense Rivaldo Martins (Brasil Telecom) venceu hoje em Taupo, na Nova Zelândia, do Carlton Cold Ironman New Zealand, prova de ironman que compreende 3,8km de natação, 180km de ciclismo e 42km de corrida. O atleta paraolímpico brasileiro completou a prova com o tempo de 10:33:55. Aos 43 anos, prova ser um dos grandes nomes da história do triathlon na categoria deficientes em todos os tempos, já que atualmente, é detentor do melhor tempo do mundo na distância e sagrou-se campeão mundial no Ironman do Havaí em 2001.

O brasileiro teve dificuldades perto do 35 quilometros do ciclismo quando seu pneu furou.

“Durante a troca, minha válvula para encher o pneu quebrou, o que me obrigou a ficar cerca de dez minutos esperando o carro de apoio para me ajudar”, declarou o atleta. Após o imprevisto, ele conta que acabou retornando à prova num ritmo mais forte a fim de tirar o atraso, o que acabou prejudicando-o, pois concluiu o percurso bastante cansado, em 5h 33m. “Iniciei a corrida um pouco mais moderado para me recuperar do ciclismo. Após o quilômetro seis já me sentia melhor e comecei a imprimir o meu ritmo normal”, disse Martins.

O campeão no geral foi neozelandês Cameron Brown, com a rápida marca de 8:22:05. Brown foi o décimo primeiro a sair d’água, mas na transição ciclismo/corrida já ocupava a quarta posição.

Brown, numa corrida espetacular, fez a maratona (42.195m) sub quatro minutos por quilometro ao concluir a etapa em 2:47:24. O segundo colocado foi o suíço Olivier Bernhard com a marca de 8:30:02, seguido por Jan van Rooyen com 8:42:15. Somente os quatro primeiros colocados concluíram a maratona sub três horas.

A neozelandesa Joanna Lawn foi a campeã a marca de 9:17:56, o que lhe garantiu a 26ª colocação no geral. Sua compatriota Karyn Ballance, foi a segunda com
9:20:32 e, menos de um minuto e meio depois, chegou a canadense Lisa Bentley, em terceiro, com o cronômetro registrando 9:21:46.

Resultados :

Masculino:
1. Cameron Brown – NZL 8:22:05
2. Olivier Bernhard – SUI 8:30:02
3. Jan van Rooyen – ZAF 8:42:15
4. Clas Bjorling – SUE 8:44:31
5. Chris Lieto – EUA 8:45:16

Feminino:
1. Joanna Lawn – NZL 9:17:56
2. Karyn Ballance – NZL 9:20:32
3. Lisa Bentley – CAN 9:21:46
4. Lynley Allison – NZL 9:40:51
5. Lisbeth Kristensen – DIN 9:43:37

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts