Santiago Ascenço vence a segunda etapa do Troféu Brasil de Triathlon

Santiago Ascenço foi o campeão com a marca de 1h54min06 (foto: Mariana Araujo/www.webrun.com.br)
Santiago Ascenço foi o campeão com a marca de 1h54min06 (foto: Mariana Araujo/www.webrun.com.br)

A segunda etapa do 21º Troféu Brasil de Triathlon, que ocorreu neste domingo (21/08), teve como campeões da modalidade olímpica Santiago Ascenço, no masculino, e Fernanda Garcia, no feminino. A competição aconteceu em São Paulo (SP) e teve distância de 1,5 quilômetro de natação, 40 de ciclismo e dez de corrida. A largada ocorreu às 9h10, na raia da Cidade Universitária, com os termômetros marcando nove graus.

Masculino– Santiago Ascenço, que foi o primeiro colocado do masculino, se manteve próximo do pelotão e buscou a primeira colocação no ciclismo. Na transição para a corrida, já estava em segundo lugar e buscou a primeira colocação. “Eu particularmente gosto de competir no frio e estou contente com meu desempenho. Essa prova foi um teste para o Ironman 70.3 Brasil na semana que vem (27/08) e agora preciso manter este ritmo de performance, já que o Meio Ironman é uma prova maior”, comenta o triatleta que finalizou o percurso em 1h54min06.

O segundo colocado foi Adriano Sacchetto, que foi o segundo a sair da água, buscou posições e na transição para a corrida estava em primeiro lugar. “Eu saí para a corrida um pouco na frente do Santiago e do Oscar Galindez, mas fui ultrapassado, porque o Santiago estava em um ritmo muito forte. Faltavam poucos quilômetros para o final, já estava feliz com o segundo lugar, então mantive minha posição”, fala Adriano que marcou 1h54min36.

Já a terceira posição ficou com Oscar Galindez, argentino radicado no Brasil que já venceu o Troféu Brasil de Triathlon sete vezes. “Estou feliz, já que nessa altura do campeonato é diferente, não pela minha idade (40 anos), mas pelos 25 anos de carreira no triathlon. Não dá para ficar em primeiro toda hora. Mantive minha performance e o resultado foi positivo, já que não participava de uma prova com distância olímpica desde 2009”, diz Galindez que finalizou a prova em 1h55min25.

Alexander Loiola Gomes (1h57min40) e Geovani Muchinski (1h59min02) foram o quarto e quinto colocados respectivamente.

Feminino– Fernanda Garcia, que foi a campeã do percurso com 2h14min18, manteve a liderança da prova do início ao fim. A triatleta, que compete no Troféu Brasil de Triathlon há 16 anos, conquistou sua primeira vitória na disputa. “Estou muito feliz e foi uma prova muito dura. O que menos sofri foi na natação, já que a temperatura da água estava melhor que do lado de fora. Quando fui correr, meu pé estava congelado, mas tive que esquecer e correr forte para manter a liderança e vencer”, fala a campeã.

Carolina Furriela ficou com o segundo lugar e marcou 2h14min31. “Nadar neste local é sempre ruim por causa do frio. Na corrida precisei dar meu melhor para buscar a primeira colocada, que ficou apenas alguns segundos na minha frente. Estou muito feliz com minha colocação e dei meu melhor”, conta a triatleta.

Em seguida, na terceira posição, ficou Vanessa Gianini, que foi penalizada na primeira volta do ciclismo. “Tive que ficar um minuto parada. Fui penalizada porque ultrapassei pela direita, em vez de fazer isto pela esquerda, mas não foi proposital. Do meu lado esquerdo tinha uma tartaruga (lombada) e avisei o fiscal que ia ultrapassar pelo outro lado para não pegar vácuo, mas mesmo assim fui penalizada”.

“Foi uma chance desperdiçada, porque eu podia ter somado mais pontos para o ranking do campeonato. Apesar disso estou muito contente. Esta prova é um processo de preparação para o Ironman 70.3 Brasil, que será na semana que vem, e é a competição mais importante para mim. O Meio Ironman é uma prova muito especial para mim e espero estar no meu melhor”, finaliza a triatleta que irá lutar pelo tricampeonato no Ironman 70.3 Brasil, em Penha (SC).

Carolina Galvão (2h17min25) e Luisa de Baptista Duarte (2h20min13) conquistaram a quarta e quinta colocação respectivamente.

A competição também teve a modalidade Short, onde os atletas percorreram 750 metros de natação, 20 quilômetros de ciclismo e cinco quilômetros de corrida. A premiação da modalidade Short foi feita por categoria. A próxima etapa do Troféu Brasil de Triathlon será no dia 25 de setembro e será realizada na cidade de Santos, no litoral paulista.

Este texto foi escrito por: Mariana Araujo

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts