São Silvestre conta com largada separada por tempo de prova

Pela segunda vez consecutiva a Corrida Internacional de São Silvestre reunirá 20 mil atletas pelas ruas e avenidas da capital paulista e, na tentativa de organizar melhor a largada, os organizadores oferecerão áreas de tempo conforme o ritmo de prova de cada atleta. Ao todo serão oito baias no total, para quem corre entre 4min30 por quilômetro até os mais lentos, que fazem na média oito ou mais minutos por quilômetro.

O tiro de partida será dado em frente ao Masp, na altura do número 1.578 da Avenida Paulista e a grande massa se dirigirá a Avenida da Consolação, onde terá início o trecho de declive do trajeto. Segundo a organização, as áreas de largada não são uma imposição, apenas uma sugestão para que o atleta corra num ritmo mais confortável.

“Em vez de as pessoas se posicionarem aleatoriamente no pelotão, elas devem procurar a área de tempo em que estão acostumadas a correr”, relata Manuel Garcia Arroyo, o Vasco, responsável pela área técnica. “Não adianta um atleta que corre numa média de oito minutos por quilômetro largar na frente de quem corre numa média de quatro. O risco de um atropelo é grande”, completa.

As áreas serão estabelecidas da seguinte forma em minutos por quilômetro: 4min30 ou menos, 5min, 5min30, 6min, 6min30, 7min, 7min30 e 8min ou mais. A prova deste ano terá os seguintes horários de largada: 15h15 cadeirantes e categoria especial; 16h45 elite feminina; e 16h52 elite masculina e demais categorias. O percurso é o mesmo das últimas temporadas, com total de 15 quilômetros.

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts