Segurança: Uma das prioridades da São Silvestre

A 77ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre mostrou que a organização da prova vem aperfeiçoando suas ações em termos técnicos e organizacionais.

Um dos destaques desta edição foi a tônica dada a segurança dos atletas inscritos. Esse ano todos os atletas devidamente inscritos na competição puderam fazer uma avaliação cardiológica gratuita, através de Eletrocardiograma.

Isso foi possível devido a parceria firmada entre o Projeto Pro-Heart, a Federação Paulista de Atletismo e a GazetaEsportiva.Net.

O Pro Heart digido pelo PhD. Dr. Ricardo Gerreto Kortas é inovador, sendo que essa foi a segunda prova no mundo a permitir que todos os participantes tivessem acesso ao exame cardiológico.

A primeira prova a utilizar dos serviços do Pro Heart foi a Maratona de Revezamento do Pão de Açúcar em 1999.

O Dr. Kortas além de médico cardiologista pela EPM/USP é especializado em Medicina Esportiva, e mestre em Engenharia pela Poli/USP com PhD em Tecnologia pela Stanford University essa formação heterogênea possibilitou desenvolver uma série de equipamentos e sistemas voltados avaliação em esportistas, atualmente é Diretor do Departamento de Holter do Hospital Beneficiência Portuguesa – SP, assim como Coordenador do Projeto Pro-Heart.

Segundo Kortas foram feitos cerca de 4.000 eletrocardiogramas, sendo detectado anomálias em 30 pessoas. Destes, 5 apresentavam “Arritmias de Atletas” que são bloqueios avançados de artérias e taquiarritmias.

Esse quadro pode levar a morte súbita, caso não sejam tomados os cuidados necessários.

Outro exame que visava a segurança da saúde do corredor foi a avaliaçõo ortopédica promovida pela Mizuno. A avaliação objetivava descobrir qual o tipo de pé e pisada que possui o corredor.

As análises foram feitas por profissionais especializados com o auxílio de pedígrafos, aparelhos que avaliam o tipo de pé (normal, plano ou cavo) e de esteiras elétricas.

Em posse do resultado o corredor poderá escolher o tênis adequado ao seu biotipo o que certamente resultará na melhora de performance e maior segurança, evitando assim as temíveis lesões.

Este texto foi escrito por: Harry Thomas Jr

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts