Tem idade certa para ser maratonista?

Você já quis ser um maratonista? Com a popularização da corrida e atletas sedentos por novos desafios, não demorou muito para os mais dedicados tornarem a distância dos 42 quilômetros um objetivo verdadeiramente grande e saírem em busca de resultados. Com isso, fomos tirar as dúvidas com nosso especialista em provas de elite, o treinador Nelson Evêncio.

Tem idade para ser maratonista?
Foto: Adobe Stock

Afinal, existe idade certa para ser maratonista?

Não, já que nem sempre o fato de ter idade significa algum lastro de treinamento. A idade mínima estabelecida pela World Athletics (IAAF) é 19 anos. Isso visa evitar que atletas treinem excessivamente, ainda em idade juvenil e se machuquem. O importante é já ter passado por distâncias menores e ter bons anos de treinamento. Normalmente, esse estágio é obtido acima dos 24 anos, sendo a média de idade dos melhores de todos os tempos acima de 26. Afinal, a pessoa pode ser mais velha, mas ter pouco tempo de corrida e ser cru para determinada distância.

Existe algum dano para jovens que participam de provas longas?

Normalmente eles não têm longevidade ou não atingem o potencial máximo de performance, por terem pulado etapas da vida atlética. Também existe a possibilidade do corredor ficar saturado logo cedo.

+ Siga o Webrun no Instagram!

Há idade certa para determinado volume de treino?

Normalmente trabalhamos mais volume com atletas acima de 21 anos, mas que já treinam há pelo menos quatro anos. O ápice dos resultados dos maratonistas de elite, têm idade média acima de 26 anos e acontecem dois ou três anos após o debute na distância. Além da fase inicial, há um período de adaptação para que o organismo se acostume a distância e atinja o potencial máximo. Outra questão é o atleta não ter explorado bem as provas anteriores e não ter acumulado experiência tanto física quanto mental.

Quais os perigos e benefícios de correr uma maratona jovem?

Atingir overtraining, ter lesões musculares, lesões de cartilagem e chegar a saturação mental, perdendo a motivação pelos treinos. Outra questão é que no treinamento para performance o atleta pode sentir falta de coisas que deveriam ter sido trabalhadas antes e pode chegar na distância deficitário, atingindo marcas medíocres. Benefícios não vejo nenhum nesse quesito, poucos são os que começaram cedo na distância e atingiram resultados de alto nível ou se mantiveram competindo bem por anos.

+ Encontre seu próximo desafio aqui!

Confira a tabela com dados dos melhores maratonistas do mundo e suas idades ao debutar nos 42k e seus recordes pessoais

Tem idade para ser maratonista?
Idade média de maratonista de 26,6 anos no debute e 30,4 anos no recorde pessoal.

Nelson finaliza com a mensagem: “Dá para ser feliz sem correr uma maratona. Ninguém é melhor ou pior corredor por isso. O importante é ingressar nas distâncias longas após uma boa base em provas menores. Há muita gente com pouca idade entrando no embalo das longas distâncias, tendo lesões e perdendo a motivação pelos treinos”.

Este texto foi escrito por: Christina Volpe, publicada originalmente em 2016.

Leia também:

 Dicas para escolher o tênis ideal para a sua corrida 
– Fortaleça a lombar e melhore a sua performance
– Alimentação pré e pós treino: o que consumir?

– Conheça os principais benefícios da caminhada para a saúde
– Exercícios para manter o core fortalecido
– 6 dicas para começar adotar hábitos saudáveis 
– Má postura no exercício ou no dia a dia? Dor no ombro ao correr? Confira as dicas do ortopedista!

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts