• Treinamento - Treinos noturnos: quais são os cuidados necessários?

Treinos noturnos: quais são os cuidados necessários?

Uma rotina apertada, longa jornada de trabalho, dificuldade de acordar muito cedo para correr. Muitas são as razões para que os corredores optem por treinos noturnos. Eles podem acontecer antes ou depois do jantar, de acordo com a preferência de cada um. Independente do momento, com certeza alguns cuidados precisam ser tomados para que os treinos no período noturno não se tornem uma dor de cabeça ao invés de uma atividade saudável.

+ A Global Energy Race SP 2019 está chegando! Garanta a inscrição aqui!

Nos dias em que serão feitos os treinos noturnos, é importante que o corredor não exagere nas atividades ao longo do dia. Evitar caminhadas muito longas e subir poucas escadas podem ser dicas para não iniciar o treino com as pernas cansadas ou fadigadas.

Ao contrário do que muitos pensam, correr durante a noite não prejudica o sono. Em alguns corredores, o treino feito em um ritmo progressivo que termina em alta intensidade pode acabar ajudando e tornando o sono ainda melhor.

Treinos noturnos: quais são os cuidados necessários? - Foto: AdobeStock

Treinos noturnos: quais são os cuidados necessários? – Foto: AdobeStock

A médica do esporte e fisiologista do Instituto Cohen, Dra. Karina Hatano, comenta sobre os cuidados necessários para realizar os treinos noturnos.

Treinos noturnos: os cuidados necessários

Alimentação

Assim como em provas noturnas, a alimentação deve ser balanceada e com algumas restrições. Alimentos ricos em fibras, como frutas e barras de cereais não devem ser consumidas para não ocorrer nenhuma indisposição intestinal no meio do treino.

Além disso, alimentos muito gordurosos, como hambúrgueres e pizzas, também devem ser evitados. Tanto essa classe de alimentos, quanto bebidas alcoólicas podem afetar o desempenho dos corredores.

Segurança

Karina explica que durante esses treinos, o cuidado precisa ser redobrado. “A principal preocupação que ela deve ter nesse período é que ela seja vista”, comenta. Para que sejam vistas, existem algumas roupas especiais que se destacam por suas cores fluorescentes. Jaquetas, bonés, bermudas/shorts, tênis e alguns acessórios podem ser encontrados com essas cores. Além disso, alguns produtos podem ter detalhes e partes que são refletivas, ou seja, refletem a luz quando em contato com a mesma. Esses produtos fazem com que os motoristas e até mesmo ciclistas consigam ver e localizar melhor os corredores.

“É bem importante também que ela tenha um bom tênis e que ela  garanta que ele sempre está amarrado. O simples fato dela abaixar para amarrar o tênis pode causar um momento em que a pessoa fique sem ser vista e gerar um atropelamento”, cita a fisiologista.

Durante a prática de qualquer atividade física noturna na rua, não apenas a corrida, é importante que ela respeite a sinalização de trânsito e preste atenção nos veículos. Para não parar completamente o exercício, principalmente no caso dos corredores, é aconselhado que continue trotando no lugar. Isso faz com que evite algum movimento bruto na musculatura e possivelmente uma lesão muscular aguda.

+ Seu calendário de corridas está aqui!

*Fonte: Dra. Karina Hatano (Médica do Esporte e Fisiologista do Instituto Cohen.

Comentários

Tags:, , , , , ,
Leonardo Boscolo
Sou um apaixonado por esportes e aspirante a corredor. Um jornalista que vê na corrida um mundo de objetivos a serem alcançados, realizações pessoais e a oportunidade de se tornar cada dia uma pessoa melhor.
Publicidade

Calculadoras Webrun

Publicidade