Usain Bolt compete na Jamaica e mira quatro ouros em Londres

Usain Bolt quer quatro medalhas de ouro em Londres (foto: ToNG/ Licença Creative Commons 2.0)
Usain Bolt quer quatro medalhas de ouro em Londres (foto: ToNG/ Licença Creative Commons 2.0)

O velocista Usain Bolt, detentor dos recordes mundiais dos 100 e 200 metros rasos, fará sua preparação para os Jogos Olímpicos de Londres em provas de seu país natal, a Jamaica. “2012 será um grande ano”, aposta.

Bolt ganhou notoriedade nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, quando quebrou os recordes mundiais dos 100m e 200m (9seg69 e 19seg30, respectivamente). Em 2009, baixou as marcas novamente no Mundial de Atletismo, em Berlim, com 9seg58 e 19seg30.

O jamaicano começa a competir em 2012 no dia 11 de fevereiro, em Kingston, no Camperdown Classic. No dia 25, corre no Gibson Relays (de revezamento) e depois no UWI Invitational, em 17 de março.

Nos três eventos da capital jamaicana é esperado que o corredor dispute a prova dos 400 metros para avaliar sua aptidão à distância, que não é sua especialidade. Bolt já declarou que pretende aumentar o número de ouros da última Olimpíada (três: 100m, 200m e 4x100m) para quatro ao correr também no 4x400m.

Sua primeira aparição nas provas mais curtas deve ocorrer apenas no Jamaica International Invitational, em cinco de maio. Em junho, no dia sete, compete pela primeira vez no ano fora da ilha caribenha, nos Bislett Games em Oslo (Noruega).

“Restarão apenas seis semanas para as Olimpíadas de Londres depois dessa corrida. Não há dúvida que será um evento acompanhado com um enorme interesse”, conclui o velocista de 25 anos.

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts