Valdenor e Ednalva Furacão vencem o Troféu SP

Ednalva Furacão Lauriano: em janeiro três provas e três vitórias (foto: Harry Thomas Jr)
Ednalva Furacão Lauriano: em janeiro três provas e três vitórias (foto: Harry Thomas Jr)

Valdenor Pereira dos Santos (Cruzeiro) e Ednalva “Furacão” Lauriano (Mizuno/Mexe Campina), venceram na manhã de hoje a 6ª edição do Troféu Cidade de São Paulo, disputado em comemoração ao 449° aniversário da cidade de São Paulo (SP). Ambos atletas tornam-se bicampeões consecutivos da competição.

No masculino a disputa desde o começo teve dois protagonistas principais. Valdenor Pereira e Paulo Lunkes (Pão de Açúcar/BMF&F) que disputaram até os metros finais a vitória com o atleta do Cruzeiro levando a melhor.

Valdenor Pereira fechou a prova com o cronômetro registrando o tempo de 29:43 e Lunkes concluiu o percurso de 10 Km somente quatro segundos de diferença do líder com 29:47.

Para se ter uma idéia de como essa edição do evento foi disputada, basta lembrar que o terceiro colocado, Gilson Rodrigues (SYMAP/Nike) concluiu a prova dois segundos atrás do vice-campeão com o tempo de 29:49, havendo assim, uma diferença de seis segundos entre o primeiro e terceiro colocados.

Feminino – Provando estar em grande forma, a paraibana Ednalva “Furacão” Lauriano começou a temporada 2003 com aproveitamento de 100%. Das três provas que disputou no mês de janeiro inclusive uma internacional, a Corrida de San Fernando venceu de todas.

Hoje a atleta foi a única a concluir a prova sub 34:00, concluindo o percurso em 33:58. No ano passado, em sua primeira vitória na competição ela correu mais rápido, fechando em 33:43.

Na segunda colocação a atleta Sirlene Souza (Memorial/Semes) com a marca de 34:16, seguida por Marily dos Santos (VO2/Belgo) com o tempo de 34:30.

Acidente – Na altura do oitavo quilometro quando disputava palmo a palmo a ponta da prova, o atleta Paulo Lunkes foi “atropelado” por um batedor da polícia do exército que fazia a escolta dos líderes.

“A roda dianteira da moto tocou por trás da minha perna esquerda, cheguei a tropeçar, mas consegui me equilibrar e ainda bem não cair”, disse aliviado, Lunkes ao WebRun.

A prova que foi disputada sob intensa garoa é organizada por José João da Silva, bicampeão da Corrida Internacional de São Silvestre, reuniu 6.000 atletas. As inscrições se encerraram a vários dias, sendo um dos motivos pela grande procura, a excelente promoção entre os organizadores e a PowerBar, principal patrocinadora do evento.

Classificação:

Masculino:
1. Valdenor Pereira dos Santos 29:43
2. Paulo Vitor Lunkes 29:47s
3. Gilson Rodrigues de Miranda 29:49
4. Aleudo Francisco dos Santos 30:18
5. Luis Carlos Fernandez Silva 30:22

Feminino:
1. Ednalva Laureano da Silva 33:58
2. Sirlene Souza 34:16
3. Marily dos Santos 34:30
4. Elizabeth Esteves de Souza 35:57
5. Beatriz Galdino Santos 37:32

Este texto foi escrito por: Webrun

Redação Webrun

Redação Webrun

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!

Ver todos os posts