Você sabia que dor de cabeça pode ser causada pelo uso de termogênicos?

termogênicos
Foto: Adobe Stock

Os termogênicos são frequentes nas dietas de atletas que precisam perder peso rapidamente. Isso porque eles prometem acelerar o processo de termogênese do corpo, ou seja, gerar mais calor e consequentemente fazer com que o metabolismo queime mais calorias. A maioria desses produtos tem cafeína como base em sua composição, por ser um elemento estimulante e que poupa o uso do glicogênio muscular. Outros componentes bastante usados são: óleo de cártamo, café verde, chá verde, canela, gengibre e alguns fitoterápicos, como a casca da laranja – que é conhecida como citrus aurantium.

Enquanto por um lado, esses suplementos prometem ajudar na perda de peso, redução do apetite, definição da massa muscular e aceleração do metabolismo, por outro, alguns estudos já apontaram que fazer uso dos termogênicos também podem causar danos à saúde.

Segundo a nutricionista Tatyana Dall Agnol, apesar de serem recomendados a quem busca perder peso, ainda há dúvidas quanto seus reais benefícios. Uma das maiores instituições europeias que estuda a segurança e a eficiência de aditivos no mundo, a EFSA, por exemplo, não reconhece a eficiência dos termogênicos, para ela não é comprovada a propriedade de aumentar a termogênese do corpo. Na prática, nos consultórios, observamos alguns resultados, mas mesmo assim ainda questionamos um pouco.

Algumas pessoas que usam termogênicos atribuem à eles efeitos colaterais, para Tatyana, isso ocorre devido ao alto índice de cafeína, presente nos termogênicos que encontramos no mercado, além disso certas pessoas metabolizam essas substâncias mais rápido do que outras.

+ Participe de uma corrida virtual, escolha sua prova!

A cafeína é uma substância de resposta muito individual, então existem pessoas que respondem bem, enquanto outras têm uma alta sensibilidade, podendo sofrer com efeitos como ansiedade, taquicardia e insônia. Uma coisa que era para ser boa, acaba atrapalhando o sono e consequentemente o treino. Por isso é necessário tomar um pouco de cuidado antes de sair tomando termogênicos, afirma.

Outros sintomas, como náuseas e enjoos podem estar relacionados com a alimentação da pessoa no dia em que faz uso do suplemento. É provável que isso ocorra se a pessoa ingerir termogênicos em jejum, por exemplo. Eles são compostos por substâncias estimulantes e podem acabar machucando a parede do estômago, dando a sensação de enjoo e mal estar. Outras vezes isso ocorra pela falsa crença de que não é preciso fazer uma refeição completa, após tomar o termogênico antes do treino, explica a nutricionista.

Para quem quer os efeitos prometidos pelos suplementos industrializados, mas tem medo dos ricos e efeitos colaterais, a melhor opção de acordo com Tatyana, são os alimentos naturais termogênicos, como: canela, óleo de coco, vinagre de maçã, pimenta, gengibre, chá de hibisco, entre outros.

Esses alimentos aumentam a temperatura do corpo e também aceleram a termogênese, não há contraindicações em acrescentá-los às refeições. Eu sugiro, por exemplo, bater o suco verde com gengibre, colocar canela no café e pimenta durante o almoço. Alimentos termogênicos naturais são sempre bem vindos.

+ O calendário completo de corridas de rua está aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carolina Abrantes

Carolina Abrantes

Estudante de jornalismo, já metida a repórter. Encantada pelo mundo dos esportes e pela forma como eles podem mudar a vida das pessoas.

Ver todos os posts